Home 10 BRASIL & MUNDO (page 20)

BRASIL & MUNDO

MST marcha sentido CAB para encontro com Wagner

Integrantes do Movimento Sem Terra marcham em Lauro de Freitas, sentido Centro Administrativo da Bahia (CAB), na avenida Paralela, em Salvador, na manhã desta quinta-feira (8).   Nas mãos, uma lista de reivindicações , em que eles solicitam, além da continuação das desapropriações para a reforma agrária, a estruturação e construção dos assentamentos, assistência técnica, educação de nível médio para os jovens, recuperação e melhorias de trechos de estradas, saúde, projetos de inclusão produtiva, entre outros. A marcha do MST faz parte da jornada nacional pela reforma agrária, com ocupações de terra em vários estados. O material deve ser entregue nesta quinta, ao governador Jaques Wagner. De acordo com a polícia, os integrantes do MST ocupam parte da via e deixam o trânsito lento na BA-099, no sentido capital baiana. (Bahia Notícias)

Leia Mais »
Corpo de mulher linchada no Guarujá é enterrado e dono de site será ouvido

Corpo de mulher linchada no Guarujá é enterrado e dono de site será ouvido

O corpo da dona de casa Fabiane Maria de Jesus, de 33, linchada no Guarujá (SP), foi enterrado nesta terça-feira (6), sob gritos de justiça de aproximadamente 300 pessoas, que foram ao cemitério. Ela foi agredida até a morte por moradores do bairro Morrinhos no último sábado (3), após ser confundida com uma suposta sequestradora de crianças para ritual de magia negra cujo retrato falado foi divulgado na internet. Segundo o Globo, o dono do site Guarujá Alerta, que publicou a fotografia, será ouvido ainda nesta terça pela Polícia Civil. O grupo que acompanhou o enterro cantou uma música religiosa, uma das preferidas de Fabiane, que morreu com uma Bíblia nas mãos, onde havia fotos das duas filhas, de 12 anos e 1 ano. O canto entoado diz: “Meu advogado mora lá no céu. Verdadeiro e justo ele é sempre fiel. Meu advogado é Jesus!”. “Vamos cobrar justiça. Mas não justiça com nossas próprias mãos, a justiça verdadeira, a justiça de Deus”, afirmou um dos primos da vítima, antes de convocar uma “passeata pela paz” até a Praça Mário Covas, próxima ao cemitério. Um ato do mesmo tipo acontecerá no próximo domingo (11), às 10h. (Bahia Notícias) Saiba mais: Mulher foi espancada até a morte no Guarujá por causa de boato na internet

Leia Mais »

OCDE reduz previsão de crescimento do Brasil em 2014 de 2,2% para 1,8%

Economia segue trajetória de crescimento moderado e alta inflação, afirma. Política monetária apertada, menor demanda externa e eleição pesam, diz. A Organização de Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) reduziu a projeção de crescimento da economia brasileira neste ano para 1,8%, segundo relatório divulgado nesta terça-feira (6), ante estimativa de 2,2% em novembro. Para a OCDE, o Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil crescerá 2,2% em 2015, também abaixo da previsão em novembro, que era de 2,5%. “A economia do país segue em trajetória de crescimento econômico moderado e alta inflação”, diz a OCDE. O relatório Perspectivas Econômicas da OCDE destaca que a inflação no país segue bastante acima do centro da meta do Banco Central, que é de 4,5% – a expectativa de inflação do mercado financeiro brasileiro para este ano, por exemplo, continuou estável em 6,5%, no limite da meta de inflação, de acordo com divulgação desta segunda do boletim Focus do Banco Central. “Uma política monetária mais apertada, uma demanda externa menos intensa e incertezas políticas por conta das eleições presidenciais de outubro devem pesar na atividade econômica”, diz o relatório. A projeção da OCDE é a mesma do Fundo Monetário Internacional (FMI), que no começo do mês passado apontou, por meio do relatório “World Economic Outlook”, que a economia brasileira está perdendo fôlego e deve crescer 1,8% em 2014, menos que no ano passado, quando cresceu 2,3%. Foi a quarta vez consecutiva que o FMI cortou a previsão de crescimento do PIB do país. A previsão dos economistas do mercado financeiro brasileiro para o crescimento do PIB deste ano é mais conservadora, e recuou de 1,65% para 1,63% na última semana. O crescimento do PIB do país estimado no orçamento federal é de 2,5%. O Banco Central, por sua vez, divulgou previsão de alta de 2% no mês passado. Economias avançadas Em seu relatório desta terça a OCDE reduziu, também, sua perspectiva para a expansão global, aponta a Reuters. A organização estimou que a economia mundial deve crescer 3,4% neste ano, em comparação aos 3,6% previstos em novembro, e acelerar para 3,9% no próximo. A OCDE avalia que as economias avançadas vão ter cada vez mais que conduzir a recuperação uma vez que os países em desenvolvimento que cresciam de forma rápida anteriormente perdem fôlego. “Ainda não saímos da fase crítica, porque o que estamos vendo são números melhores, mas os riscos ainda existem”, disse à Reuters Insider o secretário-geral da OCDE, Angel Gurria. “Crescimento baixo ainda existe, números muito altos de desemprego ainda existem.” (G1)

Leia Mais »
Fabiana Maria de Jesus, 33 anos, moradora do Guarujá, litoral paulista, morreu na manhã desta segunda-feira (5) por causa de um boato, espalhado na internet, de que havia uma sequestradora de crianças na região.

Mulher foi espancada até a morte no Guarujá por causa de boato na internet

Fabiana Maria de Jesus, 33 anos, moradora do Guarujá, litoral paulista, morreu na manhã desta segunda-feira (5) por causa de um boato, espalhado na internet, de que havia uma sequestradora de crianças na região. Fabiana foi encontrada com o rosto desfigurado e não resistiu à agressão A investigação policial aponta para o rumor como motivo do crime e afirma que não havia nenhum boletim de ocorrência sobre sequestro de menores no Guarujá. Fabiana foi amarrada, espancada e arrastada, no último sábado (3), por um grupo de moradores do bairro Morrinhos, no Guarujá. A agressão foi registrada em vídeo e, segundo os vizinhos, ela estava apanhando por ser a mulher que estava sequestrando crianças na região. Duas imagens circulavam pelas redes sociais: um retrato falado, e uma foto de uma mulher. O primeiro, na verdade, pertence a um caso de 2012, ocorrido no Rio de Janeiro. Já a fotografia remete a uma página de humor no Facebook, chamada “Jaciara Macumbeira”. A página no Facebook Guarujá Alerta, que tem mais de 50 mil curtidas, chegou a receber diversas mensagens de internautas sobre a existência da suposta sequestradora. No dia 28 de abril, a página alertou que não havia registro policial de sequestro na cidade, e que “tudo não passava de boatos”. Essa publicação foi compartilhada por 115 usuários. Boato chegou a ser alertado por página no Facebook. No dia seguinte, a página mais uma vez publicou que o caso era um boato, e colocou os links que esclareciam o retrato falado e a imagem de uma mulher, que circulavam na internet. Essa publicação teve 175 compartilhamentos. Procurada pelo R7, a administração do Guarujá Alerta não se manifestou sobre o assunto. Na manhã desta segunda-feira, a página publicou que não se manifestaria sobre o assunto para não atrapalhar o trabalho da polícia. Moradores chegaram a afirmar para a reportagem da Rede Record que ela “estava pegando crianças” e “tentou comprar uma criança com uma banana”. Outra moradora disse que os filhos não podiam mais ir ao colégio por causa dos sequestros. Fabiana, que também foi arrastada no meio da rua, teve ferimentos graves e chegou a ser socorrida com vida. O Corpo de Bombeiros a encontrou com os pés amarrados e o rosto desfigurado. Ela foi internada na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do hospital Santo Amaro, com traumatismo craniano. Em declarações à imprensa local, um homem que se dizia marido dela garantiu a inocência de Fabiana, afirmando que ela era portadora de transtorno bipolar e fazia acompanhamento médico. Ela também era mãe de dois filhos, um de 12 e outro de um ano. A agressão agora é investigada pelo 1º Distrito Policial.   Justiceiros A ação de grupos de justiceiros tem ganhado cada vez mais repercussão no Brasil. Em fevereiro, um adolescente de 15 anos foi preso a um poste, deixado nu e agredido por um grupo de homens, no Flamengo, zona sul do Rio de janeiro. Ele e outros dois colegas eram suspeitos de ter roubado bicicletas na região. À polícia, o rapaz disse que foi atacado com capacetes, rasteiras e joelhadas por cerca de 30 pessoas. Uma artista plástica postou fotos do adolescente no Facebook. A apresentadora do SBT Rachel Sheherazade fez um comentário dizendo que a atitude dos agressores “é compreensível” e, nas redes sociais, gerou polêmica sobre fazer justiça com as próprias mãos. Outro caso emblemático aconteceu também no Rio de Janeiro, em Belford Roxo, na Baixada Fluminense. Igor de Oliveira Falcão, de 20 anos, aparece em um vídeo sendo executado no meio da rua. Ele seria um assaltante da região.Fonte: Portal R7.

Leia Mais »

Participantes da Parada Gay pedem maior politização do evento

Tema da edição deste ano pediu a criminalização da homofobia. Depois da parada, público acompanhou shows na Praça da República. A 18ª Parada do Orgulho LGBT, realizada neste domingo (4) em São Paulo, uniu casais héteros e homossexuais na luta pela criminalização da homofobia e da transfobia, o tema da edição deste ano. Os casais dos mais variados gêneros pediam uma maior politização do evento e um maior engajamento dos participantes. O desfile de trios elétricos da parada terminou no início da noite, na Praça da República, no Centro de São Paulo. Em seguida, os participantes começaram a se concentrar na praça para acompanhar o show da cantora Wanessa Camargo. Pedro Lima, bigode grosso, finalista do The Voice, subiu ao palco, às 19h, para a apresentação de abertura. A Parada Gay teve início ao meio-dia, com a concentração na altura do Masp, na Avenida Paulista. Wanessa Carmargo iniciou o show dela por volta das 20h30 e deixou o palco às 21h35. Pouco depois, ela retornou, com a barriga à mostra e os dizeres “Somos Todos Iguais” para o bis final. Entre os casais que participaram da parada deste ano, estavam o bancário João e o cabeleireiro Roberto, juntos há 13 anos. O casal frequenta a Parada desde então. “A parada é importante, mas nos últimos anos se desvirtuou um pouco”, afirmou João. “Não queremos só ver a bagunça, mas também a luta pelos nossos direitos”, completou. Os dois afirmam até hoje nunca ter sofrido preconceito. “Eu e o Roberto somos privilegiados. Só sabemos o que é homofobia pela televisão”, disse João. Parada gay (Foto: Caio Kenji/G1) A situação é outra para as drag queens Alicia e Natasha, que afirmam viverem um cotidiano de ofensas desde a escola. “Hoje, eu curso biomedicina e, mesmo assim, sofro bullying de alguns colegas”, conta Natasha, que trabalha com compras. “O evento não dá conta de toda a realidade de um homossexual. Nós viemos para lutar pelos nossos direitos”, explicou a atendente de telemarketing Alicia. As duas namoram há um ano. A drag Natany, amiga do casal e que é esteticista, concorda. “Ser gay não é apenas alegria, essa bagunça. E também não é só promiscuidade, como muita gente pensa. Nós estamos aqui para mostrar que existimos e que queremos nossos direitos”, declarou. Participantes a caminho da 18ª Parada Gay. (Foto: Caio Kenji/G1) Para o produtor de cinema Leon Cunha, a Parada Gay “é a maior manifestação em defesa do amor, do respeito e da existência do diferente”. Não é a primeira vez que ele e a mulher, a jornalista Luciana Araújo, vão ao evento, com a filha, Maria Helena, de apenas dois anos. “A primeira parada dela foi ainda na barriga da mãe”, brinca ele, que afirma estar envolvido na produção de um documentário sobre a história da Parada LGBT Pela primeira vez no evento, o técnico de TI Anderson preferiu se vestir de palhaço. “Eu coloquei essa roupa e essa maquiagem para chamar a atenção e dizer à sociedade que nós, gays, também existimos.” Ele estava acompanhado do namorado, Anderson, que frequenta a parada desde 2008. Essa também não foi a primeira Parada LGBT da empresária Laura, que revelou ter perdido um irmão com HIV e que tem outro, homossexual, que mora fora de São Paulo. “Na minha família, nunca houve espaço para o preconceito”, diz ela, que trouxe a amiga Vera para assistir ao desfile. Ela vibrava a cada passagem de um trio elétrico. “Estou me divertindo muito. Com certeza, essa é a primeira vez de muitas outras que virei. Pretendo voltar todos os anos”, disse. Furtos de celulares Até as 21h40 deste domingo, a Polícia Militar ainda não havia anunciado uma estimativa oficial do número de participantes da Parada Gay. Durante o evento, a PM relatou três ocorrências, sendo uma por furto, outra por porte de drogas e uma terceira, que seria a apreensão de objetos contundentes com um grupo de punks menores de idade. Algumas pessoas, no entanto, relataram ao G1 que tiveram seus aparelhos celulares furtados durante a Parada Gay e também durante o show de encerramento. “Colocaram a mão no meu bolso e pegaram. Pediram para eu entregar o relógio também”, disse Júnior Barbosa Ferreira, de 39 anos. O estudante Maurício de Souza, de 17 anos, também afirmou que seu celular foi furtado. “Estava filmando, fui guardar no bolso. Quando coloquei a mão de novo nao estava mais lá”, afirmou. A organização da Parada Gay deverá convocar uma coletiva de imprensa durante a semana para divulgar um balanço sobre a edição deste ano do evento. (G1)

Leia Mais »

Incêndio em meio a confrontos mata 38 em Odessa, diz governo ucraniano

Segundo Ministério do Interior ucraniano, incêndio foi criminoso. Outras quatro mortes já tinham sido registradas na cidade nesta sexta-feira. Trinta e oito pessoas morreram em um incêndio dentro de um prédio em Odessa, cidade portuária no sul da Ucrânia. Segundo o  Ministério do Interior ucraniano, o incêndio foi criminoso e foi iniciado em meio a confrontos nesta sexta-feira (2) entre partidários da unidade da Ucrânia e militantes pró-Rússia, anunciou o Ministério do Interior. “Durante os confrontos, um incêndio de origem criminosa começou” na Casa dos Sindicatos, disse o ministério. “Trinta e oito pessoas morreram – 30 intoxicadas com monóxido de carbono e oito que se jogaram pela janela”, de acordo com a mesma fonte. Outras mortes Outras quatro mortes em Odessa já tinham sido anunciadas pela polícia local nesta sexta-feira, de acordo com a Reuters. Elas ocorreram em confrontos entre ativistas pró-Rússia e os apoiadores do governo ucraniano. Várias pessoas também ficaram feridas. Conflitos semelhantes entre as partes já haviam ocorrido na cidade, mas estas foram as primeiras mortes registradas em decorrência da rivalidade. Alguns residentes temiam que ambos os lados pudessem planejar retaliações, provocando a pior escalada de violência na cidade, desde que o presidente Viktor Yanukovich foi deposto em fevereiro. O conflito ocorreu depois que uma marcha pró-Kiev sofreu uma emboscada. Bombas de gasolina, pedras de pavimentação e explosivos foram lançados durante os confrontos. Os novos líderes pró-Ocidente da Ucrânia acusaram Moscou de apoiar grupos pró-Rússia para tentar desestabilizar um país que tenta desesperadamente se recuperar da revolta que levou à derrubada de Yanukovich. O Kremlin nega ter qualquer papel nos protestos no leste e sul da Ucrânia, dizendo que a população de etnia russa está simplesmente protegendo os seus direitos contra uma possível agressão por líderes pró-Ocidente de Kiev. (G1)  

Leia Mais »

Cientistas descobrem molécula que diz ao corpo quando parar de comer

Pesquisadores do Imperial College, de Londres, descobriram uma molécula que diz ao corpo quando se deve parar de comer. A descoberta abre caminho para o desenvolvimento de novos remédios contra a obesidade. O segredo estaria em uma substância chamada acetato, liberada durante a digestão de fibras presentes em frutas, legumes e verduras no intestino. De acordo com os cientistas, a pílula com a molécula teoricamente ajudaria as pessoas a diminuírem a ingestão de comida sem precisar se submeter a dietas rigorosas. Eles observaram o comportamento da molécula e constataram que a substância tinha impacto sobre a região do hipotálamo do cérebro, que controla a fome. “Infelizmente, o nosso sistema digestivo não evoluiu a tal ponto de termos de lidar com a dieta moderna e esse desequilíbrio contribui para a epidemia de obesidade de hoje em dia”, afirmou o professor Gary Frost, do Imperial College, ao jornal britânico The Daily Telegraph, antes de alertar sobre a necessidade da ingestão de mais frutas, verduras e legumes no intuito de combater a ingestão excessiva de alimentos que não trazem benefícios. “Nossa pesquisa mostra que a liberação do acetato é importante para entender como as fibras reduzem o apetite e isso pode ajudar a comunidade médica a combater a ingestão excessiva de alimentos. O maior desafio é desenvolver uma droga que possa liberar a quantidade de acetato necessária para controlar a saciedade de uma forma que seja aceitável e segura para os humanos”, acrescentou.

Leia Mais »

Baiano que estava desaparecido na Espanha é achado morto

O baiano Victor da Silva Lago, 19 anos, foi encontrado morto na noite desta terça-feira (29) – o corpo estava debaixo de uma ponte na região de Cogullada, na Espanha, segundo a BBC Brasil. Victor estava desaparecido desde a virada do ano, quando saiu para uma festa de Réveillon e não foi mais visto. A polícia confirmou a identidade de Victor à família, embora ainda não tenha os resultados prontos do exame de DNA, segundo a prima de Victor Taís Silva Lago. O corpo estava em avançado de estado de decomposição, mas não tinha sinais evidentes de violência. “É impressionante que tenham achado o corpo dele justo no lugar onde procuramos”, diz Taís. “Tenho que agradecer a todas as pessoas que nos apoiaram.” Uma autópsia deve determinar as causas da morte de Victor em até duas semanas. Nascido em Salvador, Victor morava na Espanha desde os 8 anos de idade. Desaparecimento e buscas. Victor sumiu depois de ir para uma festa em Zaragoza – ele estudava Administração na Universidade de Zaragoza. O desaparecimento do rapaz mobilizou a comunidade da universidade, polícia, bombeiros e contou até com participação da Interpol nas buscas. Um drone chegou a ser usado pelas autoridades na tentativa de localizar Victor. Enquanto isso, familiares faziam campanhas em redes sociais, inclusive em Salvador, pedindo ajuda. (Correio da Bahia)

Leia Mais »

Noite de protestos na Zona Norte do Rio termina com 9 ônibus queimados

Carcaças ainda estavam nas ruas na manhã desta terça (29). Homem levou tiro, 4 adultos foram presos e 2 menores apreendidos. A noite de protestos de moradores do Morro do Chapadão, em Costa Barros, e do Conjunto de Favelas do Alemão, na Zona Norte do Rio, nesta segunda-feira (28) terminou com o saldo de nove ônibus queimados, uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) depredada, um ferido, quatro adultos presos e dois menores apreendidos. As regiões amanheceram com carcaças dos ônibus queimados nos protestos nas ruras, mas as vias onde eles aconteceram – Avenida Itararé, no Alemão, e Avenida Chrisóstomo Pimentel Oliveira, em Costa Barros – liberadas. As manifestações – ambas violentas – começaram por motivos diferentes. Na manhã de segunda-feira, três carros particulares foram atingidos por um incêndio nas proximidades da Coordenadoria de Polícia Pacificadora (CPP), que fica na Avenida Itaóca, próximo ao no Conjunto de Favelas do Alemão. Segundo a CPP, os carros estavam parados em um estacionamento. O fogo começou em um Monza, que pertencia a um comerciante. O veículo incendiado de modelo Parati já estava abandonado há dias no local, de acordo com a Coordenadoria, e um terceiro veículo, de modelo Tucson, teria sofrido apenas danos superficiais. Como esclareceu a Coordenadoria, não houve registro de protestos ou manifestações na região durante a manhã. Mas a Polícia Civil deve investigar se o ato teria relação com a morte da idosa Arlinda Bezerra de Assis, de 72 anos, na noite de domingo (27). Confronto no Alemão A assessoria das UPPs diz que houve confronto entre criminosos e policiais na Estrada do Itararé, no início da noite. Segundo a assessoria, um ônibus foi incendiado durante confronto que começou na própria Estrada do Itararé. Homens dos Batalhões de Choque  (BPChq) e de Operações Especiais (Bope) reforçaram o policiamento na região. Nas redes sociais, moradores do Conjunto de Favelas do Alemão contam que tiros foram ouvidos na  comunidade desde as 20h45, principalmente na comunidade de Nova Brasília, que possui uma base da Unidade de Polícia Pacificadora. Durante o confronto, Carlos Alberto de Souza Marcolino, 21 anos, foi baleado no peito e levado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Alemão. Posteriormente, foi transferido para o Hospital Getúlio Vargas, na Penha. Na mesma noite, os manifestantes depredaram a UPA. Quatro ônibus foram incendiados na região: dois na Estrada do Itararé, um na Estrada Velha e um na Estrada do Timbó. Adilson da Luz,  de 21 anos, foi preso suspeito de depredar, assim como Matheus da Silva Soares, de 18 anos. Dois menores também foram apreendidos pelo mesmo motivo. No Chapadão, os protestos aconteceram depois da morte de um adolescente de 17 anos. O 41º BPM (Irajá) fazia uma operação contra o roubo de carros na região durante a noite. A polícia divulgou diferentes versões para o dinâmica da morte do adolescente num confronto com os policiais: inicialmente que ele estava morto num carro roubado, e posteriormente, que ele trocou tiros com a polícia. Cinco ônibus foram queimados por manifestantes do Chapadão, a maioria na comunidade conhecida como Job. De acordo com o 41º BPM (Irajá), durante o protesto dois homens foram presos ao tentarem atear fogo em um ônibus na entrada do Morro do Chapadão. Com eles foram apreendidos dois litros de combustível, uma pistola calibre 40 e uma submetralhadora 9mm. A dupla foi encaminhada para a 39ª DP (Pavuna). Fonte: G1

Leia Mais »

[Brasil] Campanha na rede ridiculariza Polícias Militares do Brasil

Na última semana a polícia de Nova Iorque, nos Estados Unidos, iniciou uma campanha de marketing que incentivava os cidadãos a postarem fotos com os policiais com a hashtag #myNYPD. Em pouco tempo, no entanto, a hashtag foi para os Treding Topics do Twitter com os usuários se aproveitando para postar fotos denunciando os abusos e a violência cometida pela polícia nova iorquina. No Brasil, usuários da rede se inspiraram no inusitado protesto dos americanos e criaram o tumblr Minha PM, que traz fotos denunciando a violência das Polícias Militares pelas cidades do país. De maneira bem humorada e irônica, a página convoca os internautas a compartilharem fotos dos “seus lindos momentos com a Polícia Militar brasileira”. As legendas das fotos ironizam a postura dos agentes do Estado em diversas situações e evidenciam a desproporcionalidade da ação policial em relação às vítimas da violência retratada. (Maraú Notícias)

Leia Mais »

Juiz pede transferência do Cacique Babau para a Bahia

O juiz Maurício Álvares Barra, da comarca de Una, no sul da Bahia, solicitou a transferência do Rosivaldo Ferreira Silva, mais conhecido como ‘cacique Babau’, para o presídio Ariston Cardoso, em Ilhéus. Suspeito de participar do assassinato do agricultor Juraci Santana, 44 anos, Babau se entregou à Polícia Federal, em Brasília, na quinta-feira (24). Ele permanece sob custódia, em uma cela separada, até a transferência, que deve ocorrer apenas na próxima semana. O juiz informou que a transferência para o presídio na Bahia tem como objetivo “possibilitar a instrução do inquérito policial”. De acordo com o Conselho Indigenista Missionário (CIMI), os advogados de Babau já ingressaram com um pedido de habeas corpus no Supremo Tribunal Federal (STF). Babau se entregou à polícia após participar de audiência na Comissão de Direitos Humanos da Câmara dos Deputados. A prisão temporária do cacique foi decretada pela Vara Criminal da Justiça Estadual de Una em 20 de fevereiro. Ele negou participação no crime. “Está havendo uma ação orquestrada contra a nação indígena. Vou me entregar [à PF] oficialmente aqui [em Brasília] e vamos ver o que vão fazer comigo. Não estou foragido. Vou me entregar para resolver o mal-entendido”, disse o cacique à Agência Brasil, antes de ir à sede da PF. Babau é um dos líderes da tribo Tupinambá de Olivença, que vive na região de Mata Atlântica, no sul da Bahia. Segundo o secretário executivo do CIMI, Cleber Buzatto, a decisão de se apresentar à PF em Brasília e não à Justiça da Bahia se deve ao temor de que o cacique sofresse um atentado. (Giro em Ipiaú)

Leia Mais »

Total de linhas telefônicas no Brasil supera EUA

O número de linhas telefônicas no Brasil, entre fixas e móveis, superou o total registrado nos Estados Unidos, de acordo com pesquisa realizada pelo Centro de Tecnologia de Informação Aplicada da Fundação Getúlio Vargas (FGV). Segundo o jornal Folha de S. Paulo, são mais de três linhas para cada dois habitantes (158%) no país – nos EUA, a densidade é de 156%. Segundo a pesquisa, a diferença das tarifas nos dois mercados determinou o resultado do levantamento. “O consumidor compra uma linha de cada operadora e coloca R$ 10 de crédito em cada aparelho, mas só usa o serviço sem tarifa, para ligar para a mesma operadora. Nos EUA não é assim”, disse o coordenador do estudo, Fernando Meirelles, em entrevista à Folha. A consulta também levantou informações sobre o número de computadores e similares (136 milhões) e apurou que, do total, 18 milhões são tablets, que superam as vendas de notebooks no Brasil – estes, por sua vez, tem vendas acima dos desktops. (Bahia Notícias)

Leia Mais »

Brasil tem hoje 5,2 mil refugiados de 79 nacionalidades

Colombianos e angolanos são quase metade; mapa revela origem de todos. Pedidos de refúgio têm crescido exponencialmente nos últimos anos. O Brasil abriga hoje 5.208 refugiados, sendo os colombianos e os angolanos quase metade dos estrangeiros com o status. É o que mostram dados atualizados do Comitê Nacional de Refugiados (Conare), do Ministério da Justiça, obtidos pelo G1. Os números revelam que os pedidos de refúgio no país têm crescido exponencialmente ao longo dos anos. Em 2013, foram 5.256, ante 566 em 2010. As solicitações aceitas também aumentaram: de 126, em 2010, para 649 no ano passado. Para o secretário nacional de Justiça, Paulo Abrão, o aumento é decorrente exclusivamente das condições internacionais. “Isso acontece devido ao agravamento da crise no Oriente Médio e dos conflitos nos países africanos e também no nosso continente”, diz. O representante brasileiro do Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados (Acnur), Andrés Ramirez, concorda que o acirramento de conflitos, como a guerra civil na Síria, é fator fundamental para esse fluxo, mas ressalta também uma presença maior do Brasil no cenário internacional. “As solicitações aumentaram no mundo todo. Além das crises humanitárias antigas, como a do Iraque e a do Afeganistão, em 2011 houve a Primavera Árabe. Problemas na Costa do Marfim, no Mali, na Somália e no Sudão do Sul também foram registrados”, afirma. O refúgio é um direito de estrangeiros garantido por uma convenção da Organização das Nações Unidas (ONU) de 1951 e ratificada por lei no Brasil em 1997. Segundo o Ministério da Justiça, o refúgio pode ser solicitado por “qualquer estrangeiro que possua fundado temor de perseguição por motivos de raça, religião, opinião pública, nacionalidade ou por pertencer a grupo social específico e também por aqueles que tenham sido obrigados a deixar seu país de origem devido a uma grave e generalizada violação de direitos humanos”. Com esse status, as pessoas passam a ter os mesmos direitos dos habitantes do país. As entrevistas com os estrangeiros são feitas por técnicos, que fazem um relatório atestando ou não sua elegibilidade. A decisão final é tomada em reunião plenária do Conare. Em 2013, pela primeira vez o número de solicitações aprovadas foi maior que o de negadas – 649 contra 636. Nacionalidades Atualmente, há refugiados de 79 nacionalidades vivendo no Brasil. O maior grupo é formado por colombianos: 1.154 no total. Desses, 360 são reassentados, isto é, estrangeiros que conseguiram refúgio em um país e, por alguma circunstância, precisaram migrar para um terceiro. O Brasil é uma das poucas nações que participam do programa de reassentamento do Acnur. Segundo o Ministério da Justiça, no caso dos colombianos, o objetivo é cooperar com o Equador na busca por uma solução para os mais de 55 mil colombianos refugiados naquele país. O compromisso de ajuda foi assumido pelo Brasil diante de organismos internacionais. O representante do Acnur afirma que houve mudanças importantes na Colômbia recentemente, com o reconhecimento por parte do governo da responsabilidade em crimes cometidos nos últimos 50 anos de conflito, a reparação das vítimas das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) e a restituição de terras. “O início do diálogo de paz é importante, mas os colombianos continuam deixando o país porque não têm confiança de que o processo vai dar certo. Há muito ceticismo e a maioria acha que a situação não vai mudar radicalmente”, diz Ramirez. 1.154 é o total de colombianos refugiados, o maior grupo no país Segundo ele, um acordo firmado entre países do Mercosul possibilita que colombianos – e também argentinos, paraguaios, uruguaios, chilenos e bolivianos – solicitem residência permanente no Brasil. Por essa razão, muitos optam por não pedir o refúgio, já que não é obrigatório. Os angolanos aparecem na segunda posição do ranking de refugiados no Brasil, com 1.062 pessoas. Esse número, no entanto, deve diminuir gradativamente, pois houve um pedido do Acnur para que fosse cessada a condição de refugiados aos habitantes que deixaram o país africano durante a guerra civil (que durou quase três décadas e foi encerrada em 2002), em razão de a situação já ter sido estabilizada. O processo ainda está em curso. “Como medida complementar foi oferecida a possibilidade de eles continuarem no território nacional como residentes permanentes, por cumprirem todos os requisitos legais. Isso foi feito para que aqueles que possuíam suficiente integração cultural e econômica por longos anos pudessem receber uma solução duradoura. E foi dada a oportunidade para os que tinham interesse em voltar fazerem isso a partir do exercício de sua própria autonomia”, afirma Paulo Abrão. No caso de novas solicitações de angolanos, o secretário nacional de Justiça diz que é feita pelo Conare uma análise “criteriosa e individualizada” para identificar se há um fundado temor de perseguição particular. Os congoleses, que ainda convivem com uma crise humanitária devido aos embates entre governo e opositores do presidente Joseph Kaliba, formam o terceiro maior grupo de refugiados, com 617 reconhecidos. Já os sírios ocupam a quarta posição. Dos 333 refugiados, 284 conseguiram o status no ano passado, após uma escalada da violência no país, que registra mais de 150 mil mortos nos conflitos entre rebeldes e forças do regime de Bashar al-Assad. Pedidos Do total de pedidos no ano passado, 2.242 (ou 43%) foram feitos por africanos. Outras 2.039 solicitações partiram de asiáticos (39%). A maioria ainda não foi julgada. Bangladesh lidera a lista de nacionalidades com mais pedidos de refúgio em 2013, com 1.837. Só uma pessoa proveniente do país, no entanto, teve a condição reconhecida no ano. O Senegal aparece logo atrás, com 961 pedidos (sendo que apenas quatro habitantes conseguiram o status em 2013). Entre as cidades que mais receberam pedidos de refúgio, São Paulo é a campeã. Foram 1.092 solicitações em 2013. Brasília (DF), com 745, Guaíra (PR), com 487, e Epitaciolândia (AC), com 367, aparecem logo atrás. Entre os estados, São Paulo também lidera, com 1.204 pedidos. O Paraná é o segundo com mais solicitações: 1.088. Comparações Apesar do aumento no número de concessões de refúgio no Brasil, o número de estrangeiros reconhecidos ainda é pequeno se comparado ao de outros países. O Paquistão, que tem a maior população de refugiados do mundo, abriga cerca de 1,6 milhão. No Líbano, hoje, quase um quarto da população é formada por refugiados sírios (1 milhão dos 4,4 milhões de habitantes). (G1)

Leia Mais »

Marco civil da internet está pronto para votação no senado

Está pronta para votação no plenário do Senado a proposta do Marco Civil da Internet (PLC 21/2014). Com alguns ajustes de redação, o texto votado pela Câmara dos Deputados foi aprovado nesta terça-feira (22). A aprovação foi feita pelos senadores das comissões de Constituição e Justiça (CCJ) e Ciência e Tecnologia (CCT). A matéria também precisaria passar pela Comissão de Meio Ambiente, Defesa do Consumidor e Fiscalização e Controle (CMA), mas com a reunião de hoje cancelada, um relator ad hoc (para este caso) deve ser indicado para ler o relatório da comissão diretamente em plenário. A expectativa do governo é que o texto que estabelece princípios, garantias, direitos e deveres para internautas e provedores na web seja aprovado até amanhã (23), sem mudanças, no plenário do Senado. Caso isso ocorra, o Marco Civil da Internet poderá ser apresentado no evento Net Mundial, que começa amanhã (23) em São Paulo. O presidente da CCJ e relator da matéria, senador Vital do Rêgo (PMDB-PB), optou por rejeitar 40 das 43 emendas apresentadas ao texto. Duas foram acatadas na forma de emendas de redação. Outra foi retirada a pedido do autor. “Estamos ante um marco histórico, uma obra legislativa que não apenas preservará a natureza plural da internet como também contribuirá para o desenvolvimento nacional e de cada um dos nossos brasileiros, ao sopro do respeito aos direitos humanos e à dignidade da pessoa humana”, ressaltou. Mesmo reconhecendo o trabalho da Câmara dos Deputados, o senador Aloysio Nunes (PSDB-SP), autor de uma das emendas de redação acatadas, ponderou que a proposta ainda merece ajustes. Ele defende, por exemplo, a supressão do Artigo 31. O dispositivo determina que “até a entrada em vigor de lei específica, a responsabilidade do provedor de aplicações de internet por danos decorrentes de conteúdo gerado por terceiros, quando se tratar de infração a direitos de autor ou a direitos conexos, continuará a ser disciplinada pela legislação autoral vigente”. (Ilhéus 24 Horas)

Leia Mais »

Justiça decide que Polícia Militar não é obrigada a reservar vagas para deficientes

As atividades profissionais de um policial militar são incompatíveis com limitações de ordem física, dessa maneira, a corporação não está obrigada a reservar vagas para portadores de deficiência em seus concursos. Pelo menos esse foi o entendimento do Tribunal de Justiça da Paraíba, que denegou a ordem em Mandado de Segurança de candidato que pretendia garantir reserva de vagas para portadores de necessidades especiais em Edital de Concurso Interno da Polícia Militar. (Bahia NOtícias)

Leia Mais »

Equipes de resgate suspendem buscas por desaparecidos em acidente no Monte Everest

A busca pelos três guias sherpa desaparecidos em acidente no Monte Everest, no Nepal, foi suspensa pelas equipes de resgate neste domingo (20). Pelo menos 13 pessoas foram mortas durante a avalanche. Os guias carregavam suprimentos para os alpinistas estrangeiros que tentavam alcançar o pico da montanha mais alta do mundo. Buscas de helicópteros e equipes de resgate que vasculharam a região em terra na sexta-feira (18) e no sábado não encontraram nenhum sinal dos homens. Os agentes acreditam que eles desapareceram nas fendas ou ficaram presos debaixo da neve enquanto preparavam o caminho para os alpinistas. (Bahia Notícias)

Leia Mais »

Escritor Gabriel García Márquez morre aos 87 anos

Um dos maiores autores latino-americanos da história, García Marquez ganhou o Prêmio Nobel de Literatura em 1982 O escritor colombiano Gabriel García Márquez morreu nesta quinta-feira (17) aos 87 anos em sua casa, no México. O autor sofria de câncer nos pulmões, gânglios e fígado. Ele ficou internado entre o final de março e o início de abril por conta de problemas respiratórios, mas desde então fazia tratamento em sua residência. Um dos maiores autores latino-americanos da história, García Marquez ganhou o Prêmio Nobel de Literatura em 1982. Ele é autor de livros como Cem Anos de Solidão, O Amor nos Tempos do Cólera, A Incrível e Triste História de Cândida Erêndira e sua Avó Desalmada e Memórias de Minhas Putas Tristes. Nascido em Aracataca, na Colômbia, no dia 7 de março de 1927, García Márquez também era jornalista. “Mil anos de solidão e tristeza pela morte do maior colombiano de todos os tempos!”, escreveu o presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, em sua conta pessoal no Twitter. Na mensagem, Santos manifestou solidariedade e prestou condolências à família de García Márquez. As suas histórias o tornaram o mais conhecido praticante da literatura de realismo mágico, um mistura ficcional do cotidiano com elementos fantásticos, com personagens como um menino que nasce com um rabo de porco e um homem arrastado por um enxame de borboletas amarelas. A sua morte foi confirmada por duas pessoas próximas à família, que falaram sob condição de anonimato por respeito à privacidade da família. “Cem Anos de Solidão” foi “o primeiro romance em que os latino-americanos se reconheceram, que os definiu, celebrou a sua paixão, sua intensidade, sua espiritualidade e superstição, sua grande propensão ao fracasso”, disse o biógrafo Gerald Martin à Associated Press. Quando recebeu o prêmio Nobel em 1982, García Márquez descreveu a América Latina como uma “fonte de criatividade insaciável, cheia de tristeza e beleza, da qual este errante e nostálgico colombiana é apenas um número mais, destacado pela sorte. Poetas e mendigos, músicos e profetas, guerreiros e malandros, todas as criaturas dessa realidade sem limites, tivemos de pedir pouco da imaginação, porque o nosso problema crucial tem sido a falta de meios convencionais para tornar nossas vidas críveis.” Junto a escritores como Norman Mailer e Tom Wolfe, García Márquez foi também um praticante da não-ficção literária que se tornaria conhecida como Novo Jornalismo. Ele se tornou um representante do jornalismo latino-americano, com obras magistrais da narrativa de não-ficção, que incluem a “Relato de um Náufrago”, o conto de um marinheiro perdido em um bote salva-vidas por 10 dias. Outros escritos incluem um perfil do presidente da Venezuela Hugo Chávez e o relato vívido de como traficantes de cocaína liderados por Pablo Escobar haviam rasgado o tecido social e moral de sua Colômbia natal, sequestrando membros de sua elite, em “Notícias de um sequestro”. Em 1994, García Márquez fundou a Fundação Ibero-americana para Novo Jornalismo, que oferece treinamento e competições para elevar o padrão da narrativa e do jornalismo investigativo na América Latina. Como muitos escritores latino-americanos, García Márquez transcendeu o mundo das letras. O homem conhecido como “Gabo” tornou-se um herói para a esquerda latino-americana, como um aliado precoce do líder revolucionário cubano Fidel Castro e um crítico de intervenções violentas de Washington do Vietnã ao Chile. (Correio da Bahia)  

Leia Mais »

Telexfree é pirâmide e brasileiros eram alvos, diz investigação nos EUA

O documento tem quase 50 páginas e diz que a empresa montou um esquema ilegal de venda fraudulenta de títulos. Um relatório da Secretaria de Estado de Massachusetts, EUA, considerou a Telexfree uma pirâmide financeira. A empresa arrecadou cerca de US$ 1,2 bilhão em todo o mundo. O documento foi divulgado na terça-feira (15). As autoridades pedem o fim das atividades da empresa, devolução dos lucros e ressarcimento das perdas causadas aos “divulgadores”.  “Embora apresentado como uma mudança de paradigma em telecomunicações e publicidade, a Telexfree é meramente uma pirâmide velada e um esquema Ponzi (como são conhecidas as pirâmides) que tem como alvo a trabalhadora comunidade brasileiro-americana”, diz a denúncia assinada pelo secretário William Galvin. O documento tem quase 50 páginas e diz que a empresa montou um esquema ilegal de venda fraudulenta de títulos. Apenas US$ 238 milhões dos cerca de US$ 1,2 bilhão que a empresa faturou entre janeiro de 2012 e fevereiro de 2013 foram das vendas de pacotes de telefonia VoIP. “Usando várias contas de bancos e entidades relacionadas, a Telexfree já arrecadou mais de US$ 90 milhões em Massachusetts e cerca de US$ 1 bilhão no mundo” diz a secretaria. O o principal alvo do esquema eram os imigrantes brasileiros. A investigação acontece depois que a Telexfree entrou com pedido de concordada no Tribunal de Falências de Nevada. (Correio da Bahia)

Leia Mais »

Goerno estima salário mínimo de R$ 779 para 2015

Com estimativa de crescimento da economia de 3% e inflação, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), em 5% para 2015, o governo encaminhou projeto nessa terça-feira (15) ao Congresso Nacional. O Projeto é o de Lei de Diretrizes Orçamentárias para 2015 (LDO-2015). Pelo projeto, o salário mínimo será reajustado em 7,71% e vai ficar em R$ 779,79 em 2015. O governo estima que o superávit primário para o setor público consolidado será de R$ 143,3 bilhões, valor que corresponde a 2,5% do Produto Interno Bruto (PIB) – soma de todos os bens e serviços produzidos no país. Com o abatimento dos R$ 28,7 bilhões destinados ao Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), a meta do superávit primário fica em R$ 114,7 bilhões (ou 2% do PIB). Superávit primário é a poupança para pagar os juros da dívida que o governo tem com outros países e outros credores. Na medida em que o país consegue alcançar as metas de superávits primários, indica que tem condições de pagar suas dividas. A Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) tem como principal finalidade orientar a elaboração dos orçamentos fiscais e da seguridade social e de investimento dos poderes Executivo, Legislativo, Judiciário, das empresas públicas e das autarquias. Com a LDO, o governo estabelece as metas e prioridades da administração pública federal, incluindo as despesas de capital para o exercício financeiro do ano seguinte. A LDO tem de ser enviada pelo Executivo ao Congresso até 15 de abril e aprovada pelo Legislativo até 30 de junho. Se não for aprovada nesse período, o Congresso não pode ter recesso em julho. A aprovação da LDO é a base para elaborar o Projeto de Lei Orçamentária Anual (LOA), que deve ser apreciada pelo Congresso Nacional até agosto. Como é lei, após sancionada, nenhum governante deve aumentar despesas, gastar mais do que está previsto na Lei Orçamentária ou criar novos impostos para o pagamento de suas  contas sem autorização do Legislativo. Com a Lei de Responsabilidade Fiscal, a LDO passou a ter um papel importante na condução da política fiscal do governo, devendo estabelecer e indicar as metas fiscais a serem atingidas a cada exercício financeiro a que se refere. (Ilhéus 24 Horas)  

Leia Mais »

Agência de risco rebaixa nota de mais nove bancos brasileiros

Bancos rebaixados pela Standard & Poor’s são de porte médio. Em março, 13 grandes instituições financeiras tiveram suas notas cortadas. A agência de classificação de risco Standard & Poor’s rebaixou, na noite de segunda-feira (14), a nota de crédito de mais nove bancos brasileiros. No mês passado, a agência já havia reduzido a classificação de outras 13 instituições financeiras, incluindo grandes bancos estatais e privados, seguradoras e o BNDES. A lista dos bancos com notas rebaixadas nesta segunda é de instituições de porte médio: Banco ABC Brasil; BTG Pactual; Banco Fibra, Banco Indusval, Banco Intermedium, Banco Mercantil do Brasil, Banco Pan, Banco de Brasília (BRB) e Paraná Banco. Oito dos bancos rebaixados nesta segunda haviam sido colocados sob observação com implicações negativas e foram removidos da lista. Outros cinco bancos tiveram seus ratings reafirmados. O rebaixamento das notas das instituições segue o corte no rating do Brasil, ocorrido em março No último dia 24, a agência americana baixou a classificação do país de “BBB” para “BBB-“, a faixa mais baixa da categoria “grau de investimento”. Segundo a Standard & Poor’s, a forte expansão do crédito em meio ao crescimento econômico menos favorável, o maior apetite por risco principalmente dos bancos públicos, e as distorções de mercado conforme visto na deterioração da rentabilidade têm enfraquecido a qualidade de crédito em geral do sistema financeiro brasileiro. “Consideramos que esses bancos enfrentam agora condições operacionais mais apertadas, as quais acreditamos enfraqueceram seus perfis financeiros, sobretudo em termos de qualidade dos ativos e capital e rentabilidade. Esses efeitos combinados nos levaram a rebaixar os ratings de nove bancos”, diz a agência em nota. (G1)

Leia Mais »

Chile combate incêndio mais grave da história de Valparaíso

Pelo menos 12 pessoas morreram após fogo destruir 2 mil casas. Mais de 2 mil militares e policiais tentavam controlar focos nesta segunda. Onze helicópteros, seis aviões e 2 mil militares e policiais lutavam nesta segunda-feira (14) para controlar os focos do incêndio mais grave da história do porto chileno de Valparaíso, que matou 12 pessoas. Apesar dos fortes ventos na região, as autoridades tinham a esperança de controlar o fogo nas próximas 48 a 72 horas. Depois pretendem avaliar os danos e estabelecer as tarefas de reconstrução. Segundo o balanço oficial mais recente, o incêndio arrasou 850 hectares e destruiu completamente 2 mil casas. Também deixou 8 mil desabrigados e 10 mil deslocados. De acordo com as autoridades, 1.200 pessoas dormiram pela segunda noite seguida em abrigos. O incêndio, iniciado na tarde de sábado, foi alastrado pelo vento no domingo nas localidades de Jiménez, Mariposas e Santa Elena Rocuant, mas sobretudo em Ramaditas, onde existe muita vegetação, além de construções com material leve e inflamável. s chamas afetaram as colinas onde muitas pessoas vivem em casas de madeira e materiais frágeis. A região do porto de Valparaíso, declarada Patrimônio da Humanidade pela Unesco em 2003, permanecia a salvo das chamas. (G1)

Leia Mais »

“Lua de Sangue” será visível no céu na próxima semana

Na madrugada da próxima terça-feira o continente americano poderá observar um eclipse lunar, o primeiro de uma tétrade de “luas de sangue”. Esse eclipse ocorrerá aproximadamente a cada seis meses e se repetirá apenas sete vezes neste século, informou a Nasa. Os eclipses totais da Lua, quando o satélite cruza o cone de sombra da Terra, são pouco frequentes e o último ocorreu em 10 de dezembro de 2011. A última vez que aconteceu uma série de quatro eclipses lunares totais ocorreu entre 2003 e 2004. O fenômeno esteve rodeado ao longo da história de muitas superstições e referências a profecias sobre desastres naturais de grande magnitude. A agência aeroespacial americana explicou que o eclipse começará no dia 15 de abril às 8h (horário GMT, 5h de Brasília) quando a beira da Lua ingressar no centro da sombra da Terra, que é de cor âmbar. É durante esse período que a Lua é vista da Terra com uma cor avermelhada causada pela luz do Sol e matizada por sua passagem através da atmosfera terrestre, algo similar à coloração que adquire a luz solar nos crepúsculos. A totalidade do eclipse vai acontecer durante um período de 78 minutos que começará aproximadamente uma hora mais tarde e, se as condições meteorológicas permitirem, o fenômeno poderá ser observado em quase todo o continente americano. (Correio da Bahia)

Leia Mais »
Adolescente de 16 anos foi detido. 19 estudantes e um adulto ficaram feridos na Pensilvânia. Pelo menos 20 pessoas ficaram feridas por "múltiplas facadas" em um ataque nesta quarta-feira (9) à escola americana Franklin Regional High School, em Murrysville, na Pensilvânia. Dezenove estudantes e um vigia da escola ficaram feridos, segundo as equipes de emergência. Um adolescente de 16 anos suspeito de cometer o crime foi detido, de acordo com a polícia local.

Ataque com faca deixa feridos em escola nos EUA

Adolescente de 16 anos foi detido. 19 estudantes e um adulto ficaram feridos na Pensilvânia. Pelo menos 20 pessoas ficaram feridas por “múltiplas facadas” em um ataque nesta quarta-feira (9) à escola americana Franklin Regional High School, em Murrysville, na Pensilvânia. Dezenove estudantes e um vigia da escola ficaram feridos, segundo as equipes de emergência. Um adolescente de 16 anos suspeito de cometer o crime foi detido, de acordo com a polícia local. Ambulância chega para atendimento de feridos em ataque em escola nos EUA (Foto: Keith Srakocic/AP) Entre os estudantes feridos estão adolescentes com idades entre 14 a 17 anos, Oito feridos (sete alunos e o adulto) estão em estado grave, porém estável. Quatro foram socorridos de helicóptero. A polícia foi acionada às 7h13 locais (8h13 de Brasília), cerca de 15 minutos após as portas da escola terem sido abertas, segundo a emissora NBC. Segundo o diretor da polícia local, Thomas Seefeld, o estudante de 16 anos que foi detido estava com duas facas. A identidade do suspeito ainda não foi divulgada. O rapaz – que sofreu ferimentos nas mãos e recebeu tratamento – foi encaminhado ao Departamento de Polícia de Murrysville. Policiais envolvidos na investigação já estiveram na escola e seguiram para investigar o estudante. Pelo menos 20 pessoas ficaram feridas em ataque com faca a escola da Pensilvânia, nos EUA, nesta quarta-feira (9) (Foto: Reprodução/TV Globo) De acordo com a polícia, o suspeito foi controlado por um dos diretores da escola e por um integrante da equipe de segurança, que conseguiu algemá-lo. Ainda não se sabe se as vítimas foram escolhidas pelo autor do crime ou atingidas a esmo. O Hospital Forbes informou ter recebido as oito vítimas com ferimentos graves – sete delas, adolescentes. Três pacientes foram encaminhados para cirurgia e os outros cinco passaram por avaliação. Segundo a emissora WPXI, as vítimas sofreram cortes no tronco (principalmente no peito e abdômen), mãos e braços. O porta-voz do serviço de emergência do condado de Westmoreland, Dan Stevens, informou que nem todos os feridos foram esfaqueados – alguns sofreram arranhões e cortes ao tentar fugir. Ainda de acordo com ele, um dos estudantes foi responsável por acionar o alarme de incêndio da escola, o que alertou todos e fez com que muitos deixassem o prédio em meio ao ocorrido. “O acionamento do alarme provavelmente auxiliou na retirada das pessoas da escola”, disse o chefe da polícia local. O adulto ferido era um vigia que havia trabalhado no turno da noite na escola. Estudantes disseram que o adolescente suspeito de ter cometido os ataques não era agressivo e não demonstrava ter nenhum problema. Eles também afirmaram que o jovem não era publicamente vítima de bullying. Relatos De acordo com a emissora WTAE, um estudante relatou que uma pessoa entrou na escola com uma faca e começou a atingir as vítimas, incluindo seus amigos. Segundo testemunhas, o ataque durou cerca de 20 minutos e na área onde são dadas as aulas de ciências, incluindo corredores e salas da escola. Jeff Dahlke, funcionário da empresa que faz a segurança do complexo escolar, disse à emissora KDKA-TV que o suspeito estava armado com duas facas. “O alarme disparou, os estudantes começaram a correr, os guardas do lado de fora entraram rapidamente e encontraram um supervisor e um diretor-assistente já com o suspeito, que estava no chão. Eles tentavam controlá-lo e tirar as armas de perto dele”, contou. Policial cerca escola nos EUA após ataque (Foto: Brian F. Henry/Tribune Review/AP) Quando o alarme tocou, muitos alunos pensaram que se tratava de um exercício de treinamento, e não uma situação real, disseram testemunhas. Em comunicado publicado em seu site, a escola informou que houve “um incidente crítico”. “Todas as aulas do ensino fundamental foram canceladas, os demais estudantes estão seguros”, diz o texto. Segundo a imprensa local, os alunos mais novos foram liberados da escola, enquanto os mais velhos foram encaminhados para outro colégio da região, onde seus pais deverão buscá-los. Eles só serão liberados na presença de um de seus responsáveis. Segundo as autoridades, os estudantes do Ensino Médio terão as aulas suspensas pelo resto da semana – o crime aconteceu no prédio onde as aulas destes anos eram realizadas. (G1)

Leia Mais »

Navio australiano capta 2 novos possíveis sinais de avião sumido

1º sinal durou 5 minutos e 32 segundos; e o 2º, 7 minutos.Sinais foram captados numa mesma área. O navio australiano Ocean Shield captou dois novos sinais no Oceano Índico que podem ser da caixa-preta do avião da Malaysia Airlines, desaparecido desde o dia 8 de março, com 239 pessoas a bordo, informaram nesta quarta-feira (9) fontes oficiais. O primeiro sinal, que durou 5 minutos e 32 segundos, foi captado na tarde de terça (8), e o segundo, de 7 minutos, durante a noite, hora local da cidade de Perth, no oeste da Austrália. “Foram captados na mesma área e vão permitir uma melhor definição das buscas”, disse o chefe do Centro de Coordenação de Agências Conjuntas, Angus Houston. O ex-militar australiano disse que ‘apesar de estarmos fazendo as buscas no local correto’ ainda não há confirmação visual da presença dos destroços do avião desaparecido. O Ocean Shield, que no domingo (6) detectou dois sinais na mesma área situada a cerca de 2 mil quilômetros ao noroeste de Perth, continua buscando por novos sinais para determinar o lugar dentro dos quatro pontos acústicos antes que se esgotem as baterias da caixa-preta. “É importante receber a maior quantidade de informação para determinar a possível localização do avião enquanto os sinais continuem sendo transmitidos”, disse Houston. As equipes de resgate trabalham para estabelecer a área de rastreamento antes de enviar o submarino não tripulado Bluefin-21, que é transportado pelo Ocean Shield, para buscar os destroços do avião malaio. O submarino, que está equipado com sonares e uma câmera de vídeo, pode submergir a uma profundidade de até 4,5 mil metros, que coincide com a do local de buscas, mas seu raio de ação é limitado. Houston destacou que o Ocean Shield pode rastrear com seu detector de sinais uma superfície seis vezes maior que a do pequeno submarino. “Esperamos que em poucos dias possamos encontrar algo no fundo que confirme que é o destino final do (avião do voo) MH370”, disse o coordenador da operação. Participam dos trabalhos desta quarta 11 aviões militares, quatro civis, e 14 embarcações, que se concentram em uma área de 75.423 km² situada a cerca de 2.261 km ao noroeste de Perth. O voo MH370 saiu de Kuala Lumpur com 239 pessoas a bordo rumo a Pequim na madrugada do dia 8 de março (tarde do dia 7 no Brasil) e desapareceu dos radares civis da Malásia cerca de 40 minutos após a decolagem. Estavam a bordo da aeronave 153 chineses, 50 malaios, sete indonésios, seis australianos, cinco indianos, quatro franceses, três americanos, dois neozelandeses, dois ucranianos, dois canadenses, um russo, um holandês, um taiwanês e dois iranianos que utilizaram os passaportes roubados de um italiano e de um austríaco. A polícia malaia disse na semana passada que não considera que os 227 passageiros sejam responsáveis de sequestro, sabotagem e problemas psicológicos ou pessoais, mas a tripulação de nacionalidade continua sob suspeita. (G1)

Leia Mais »
Procuradoria pede 24 anos de prisão a ex-diretora da Anac por acidente da TAM

Procuradoria pede 24 anos de prisão a ex-diretora da Anac por acidente da TAM

A Procuradoria da República pediu pena de até 24 anos de prisão para a ex-diretora da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), Denise Abreu, e para o ex-diretor da TAM, Marco Aurélio Miranda, apontados como responsáveis pelo acidente aéreo no Aeroporto de Congonhas em São Paulo com o voo JJ3054, em 2007, que provocou a morte de 199 pessoas. No processo, o órgão pede alteração da imputação penal, de crime culposo para doloso. Caso a Justiça confirme conduta dolosa dos acusados, ambos cumprirão pena em regime fechado. O pedido foi entregue à Justiça nesta sexta-feira (4). O procurador da República Rodrigo de Grandis defende que a ex-diretora da Anac e o então diretor de Segurança de Voo da TAM assumiram o risco de expor a perigo as aeronaves que operavam em Congonhas. Segundo ele, Denise “chegou a ludibriar uma desembargadora federal e, por consequência, a própria Justiça Federal, para conseguir a liberação da pista principal do aeroporto. Ela afirmou à Justiça que a chamada IS-RBHA 121-189, sobre as condições de pouso em pista molhada, seria uma norma válida e eficaz, quando na verdade era apenas um estudo interno da Anac”. Com base nesse documento, a Justiça foi convencida a liberar operações na pista, suspensas por decisão judicial de primeira instância, expedida em caráter liminar pouco tempo antes do acidente. Já Marco Aurélio foi alertado mais de uma vez, por pilotos da empresa, sobre os riscos de operação no aeroporto, mas não deu aos relatos a devida atenção. Para o criminalista Antonio Cláudio Mariz de Oliveira, que defende Marco Aurélio Miranda e Castro, as alegações “não demonstram responsabilidade penal de nenhuma natureza, quer culposa, quer dolosa, por parte do ex-diretor”. Por sua vez, o criminalista Roberto Podval, que defende Denise Abreu, reagiu com indignação. “Me parece um absurdo ela (Denise) ser a grande responsável pelo acidente. Denise é advogada, não tem nenhum conhecimento técnico sobre aviões. Estão usando Denise como bode expiatório”, reclamou. (Agência Estado)

Leia Mais »

Avião desaparecido pode ter evitado radares propositalmente, diz TV

O voo MH370 da Malaysia Airlines, que desapareceu no dia 8 de março, sobrevoou ao redor do espaço aéreo da Indonésia em sua jornada para o Oceano Índico. Aso informação foram divulgada pela rede de TV norte-americana CNN e atribuída a uma fonte do governo da Malásia. No entanto, o avião não voou sobre o espaço aéreo da Indonésia. A conclusão teria sido feita por investigadores depois de uma revisão de dados de radares dos países vizinhos. De acordo com a fonte, o avião pode ter sido conduzido propositalmente por uma rota concebida para evitar a detecção de radares. O que se sabe até agora é que à 1h27 do dia 8 de março, a Tailândia detectou o que seria o avião, ao tomar rotas diversas. Neste domingo (6), autoridades responsáveis pelas buscas do avião desaparecido afirmaram em coletiva de imprensa na cidade de Perth, na Austrália, que um navio chinês que participa das buscas detectou dois sinais eletrônicos no Oceano Índico que podem ser da caixa-preta do Boeing 777-200. O navio australiano Ocean Shield também teria detectado um “evento acústico” separado. O diretor do Centro de Coordenação de Agências Conjuntas, que coordena as buscas pelo avião desaparecido, afirmou que os sinais dão esperanças às buscas, mas que ainda não é certo que eles tenham vindo do MH370. (Bahia Notícias)  

Leia Mais »
Morre aos 66 anos o ator José Wilker

Morre aos 66 anos o ator José Wilker

Suspeita é de que ele tenha sofrido um infarto. A última participação em novelas foi em 2013, em ‘Amor à vida’. O ator e diretor José Wilker morreu, aos 66 anos, na manhã deste sábado (5) no Rio. Ainda não há informações oficiais sobre a causa da morte, mas a suspeita é de que ele tenha sofrido um infarto. Wilker ficou conhecido por trabalhos marcantes em novelas como “Roque Santeiro”, em que interpretou o personagem-título, e “Senhora do destino”, em que interpretou o bicheiro Giovanni Improtta. No cinema, fez filmes como “Bye Bye, Brasil” e “Dona Flor e seus dois maridos”. A sua última participação em novelas foi em 2013, em “Amor à vida”, de Walcyr Carrasco, no papel do médico Herbert. Em 2012, ele foi o coronel Jesuíno no remake de “Gabriela”, baseada no livro “Gabriela Cravo e Canela”,  de Jorge Amado. Começo José Wilker de Almeida nasceu em Juazeiro do Norte no dia 20 de agosto de 1947. De acordo com seu perfil no site Memória Globo, ele se mudou com a família, ainda criança, para o Recife. A mãe, Raimunda, era dona de casa, e o pai, Severino, caixeiro viajante. Sua carreira no teatro começou no Movimento Popular de Cultura (MPC) do Partido Comunista, onde ele dirigiu espetáculos pelo sertão e realizou documentários sobre cultura popular. Em 1967, Wilker se mudou para o Rio para estudar Sociologia na PUC, mas abandonou o curso para se dedicar exclusivamente ao teatro. Em 1970, após ganhar o prêmio Molière de Melhor Ator pela peça “O Arquiteto e o Imperador da Assíria”, foi convidado pelo escritor Dias Gomes o para o elenco de “Bandeira 2” (1971), sua primeira novela. Wilker interpretou o primeiro protagonista em 1975: foi Mundinho Falcão em “Gabriela”, adaptação de Walter George Durst do romance de Jorge Amado, um marco na história da teledramaturgia brasileira. Personagens conhecidos Wilker tem em seu currículo personagens memoráveis, como o jovem Rodrigo, protagonista da novela “Anjo Mau” (1976), de Cassiano Gabus Mendes. Em 1985, viveu Roque Santeiro, personagem central da trama homônima escrita por Dias Gomes e Aguinaldo Silva. Em 2004 interpretou o ex-bicheiro Giovanni Improtta, de “Senhora do Destino”, de Aguinaldo Silva, um personagem com diversos bordões como “felomenal” e “o tempo ruge e a Sapucaí é grande”. O artista dirigiu o humorístico “Sai de Baixo” (1996) e as novelas “Louco Amor” (1983), de Gilberto Braga, e “Transas e Caretas” (1984), de Lauro César Muniz. Durante uma rápida passagem pela extinta TV Manchete, acumulou direção e atuação em duas novelas: “Carmem” (1987), de Gloria Perez, e “Corpo Santo” (1987), de José Louzeiro. Apaixonado pelo cinema, o ator participou de filmes como “Xica da Silva” (1976) e “Bye Bye, Brasil” (1979), ambos de Cacá Diegues, e foi o personagem Antônio Conselheiro em “Guerra de Canudos” (1997), de Sérgio Rezende. Wilker também se destacou em minisséries como “Anos Rebeldes” (1992), de Gilberto Braga; “Agosto” (1993), adaptada da obra de Rubem Fonseca; e “A Muralha” (2000), escrita por Maria Adelaide Amaral e João Emanuel Carneiro. Em 2006, interpretou o presidente Juscelino Kubitschek na minissérie “JK”, de Maria Adelaide Amaral e Alcides Nogueira. O artista ainda escreveu textos para revistas e jornais e comentou a cerimônia do Oscar durante vários anos. (Globo.com)

Leia Mais »

Risco de racionamento de energia sobe para 46%

O risco de o Brasil ter um racionamento neste ano quase dobrou. Com as chuvas abaixo do esperado para março, a probabilidade de o país ter de decretar um corte superior a 4% da demanda de energia subiu de 24% para 46%. Os cálculos são da consultoria PSR, do especialista Mario Veiga, apresentado em evento interno para clientes. Uma redução dessa dimensão significaria desligar 12 milhões de residências. No primeiro relatório elaborado pela consultoria, no início de fevereiro, o risco de racionamento era de 17,5%. De lá pra cá, a situação dos reservatórios do subsistema Sudeste/Centro-Oeste, responsável por 70% do armazenamento do país, não apresentou melhora significativa. As represas fecharam março com 36,3% – distante da previsão inicial de 41,3%. Para abril, o cenário não é muito animador já que o volume de chuvas tende a ser menor que o de março. (Bahia Notícias)

Leia Mais »

Renato Aragão recebe alta após 12 dias internado

O humorista Renato Aragão recebeu alta nesta quarta-feira (2) do hospital Samaritano, na zona sul do Rio, onde estava internado desde o dia 26 de março devido a uma infecção urinária. De acordo com um boletim médico divulgado pelo hospital, o humorista foi liberado às 11h após ser tratado com antibiótico venoso nos últimos dias. Esta é a segunda internação de Renato Aragão em um mês – a primeira aconteceu no dia 15, após sofrer um infarto, horas depois da festa de 15 anos de sua filha, Livian. Ele passou por uma angioplastia e recebeu alta quatro dias depois, mas voltou a ser internado por causa da infecção urinária. Na última quarta, ele foi transferido do hospital Barra d’Or, na Barra da Tijuca, zona oeste, onde estava internado desde o dia 22 de março, para o hospital Samaritano. Famoso pelo personagem Didi Mocó, que interpretou durante décadas na TV Globo, o humorista atualmente não tem uma atração fixa na programação da emissora. (Correio da Bahia)

Leia Mais »

Mãe espanca filho de 4 anos até a morte por achar que ele era gay

Jessica Dultro, de 25 anos, teria espancado seu filho com a ajuda de seu namorado, nos Estados Unidos. Uma mulher está sendo julgada sob acusação de espancar até a morte seu filho de quatro anos por acreditar que ele era gay. O filho de Jessica Dutro, Zachary, morreu em agosto de 2012, dias depois de ser levado do abrigo onde a família estava vivendo, no sul da cidade Portland, nos Estados Unidos, para um hospital. Segundo o jornal britânico Daily Mail, uma mensagem no Facebook do namorado de Jessica foi admitida como evidência no caso por um juiz americano. Na mensagem, Jessica disse para seu namorado, Brian Canady, que seu filho estava “virado para a parede”, pois ele havia a deixado muito zangada. Além disto, afirmou que o filho estava virando gay. “Ele anda e fala como isto”, escreveu. A mensagem também deixa entender que Canady, namorado da mãe, deveria “trabalhar” na criança para resolver o problema. O promotor Megan Johson afirma que a mensagem deixada por Jessica incita um série de abusos. De acordo com as autoridades responsáveis pelo caso, a mulher agrediu três de seus filhos, mas Zachary foi o que recebeu um tratamento mais duro. O juiz Letourneau determinou a quebra do sigilo das buscas feitas por Jessica na internet no dia em que o fato aconteceu. Com isto, ficou comprovado que a mulher havia pesquisado termos como “gerenciamento de raiva” e “aulas de paternidade”. Outros termos também aparecem listados como “coisas de graça” e “sexo com estranhos”. No início deste mês, Canady se declarou culpado pela sua parcela de agressão e pelo homicídio. De acordo com os promotores, Zachary morreu por um trauma decorrente de uma pancada em seu abdômen e por um atraso em seu tratamento médico. Jessica Dultro, de 25 anos, é acusada de homicídio, homicídio por abuso e agressão em segundo grau. Em agosto de 2012, Jessica e seu namorado chamaram a polícia reportando que seu filho estava inconsciente após um desmaio no abrigo onde estavam vivendo. O exame médico apontou que no momento em que seus pais chamaram a ambulância, Zachary já estava “essencialmente morto”. O médico afirmou que o conteúdo de seus instestinos já tinha vazado em seu corpo a mais de dois dias, resultando em uma infecção mortal. Além das lesões no abdômen, o corpo da criança também estava coberto de hematomas, o que sugere um abuso prolongado e repetido. (Correio da Bahia)

Leia Mais »

Depois de surto na Guiné, ebola se estende à Libéria, confirma OMS

O surto da febre hemorrágica ebola que até então estava restrito à Guiné chegou até a Libéria (ambos países da África Ocidental), informou a Organização Mundial da Saúde (OMS) neste domingo (30). Segundo a entidade, exames clínicos confirmaram a presença da doença. O Ministério da Saúde da Libéria afirmou que 27 pessoas que tiveram contato com casos da doença estão sob vigilância médica. Na Guiné, o surto deixou 112 pessoas doentes, das quais 70 não resistiram, uma taxa de mortalidade de 62,5%. Ainda segundo a OMS, dois dos novos casos na Libéria são de funcionários do setor de saúde, o que ressalta a necessidade de reforçar as medidas de prevenção e controle do contágio. Em Serra Leoa, que faz também fronteira com a região onde houve um surto da doença na Guiné, dois casos suspeitos, com ocorrência de óbito, foram identificados. A OMS informou também que todas as pessoas confirmadas e suspeitas em Serra Leoa e Libéria de terem contraído a doença viajaram para Guiné antes da manifestação dos sintomas do ebola. Segundo especialistas, ainda não existem vacina nem tratamento eficaz para combater o ebola. Por enquanto, segundo a OMS, não há restrição de comércio ou de viagem à Guiné, Libéria e Serra Leoa. Informações da EFE.

Leia Mais »

Avião faz pouso de emergência no aeroporto JK, em Brasília

Avião pousou de barriga, porque trem de pouso não abriu. Aeronave vinha de Petrolina com 49 passageiros a bordo; não há feridos.   Em nota, a Avianca diz que o avião “pousou de forma segura” e que a empresa prestou atendimento a todos os passageiros . A empresa informou que havia 49 pessoas a bordo – 44 passageiros e 5 tripulantes. Todos os ocupantes tiveram de deixar o avião, um modelo Fokker 100, por uma rampa inflável na porta dianteira da aeronave. De acordo com a empresa, 20 passageiros seguiram para outros destinos em voos da própria companhia, 14 foram para suas residências em Brasília e nove adultos e uma criança foram acomodados em um hotel. Sem o trem de pouso dianteiro aberto, o piloto fez o avião andar centenas de metros apenas sobre as rodas traseiras até o avião perder velocidade e tocar com a ponta da aeronave no chão, que foi se arrastando até parar. Antes do pouso, o piloto deu voltas sobre Brasília para gastar o combustível e reduzir o risco de explosão. Bombeiros do aeroporto despejaram jatos de espuma na aeronave para evitar um eventual incêndio. A pista onde o avião pousou foi fechada. Os voos e decolagens programados a partir das 18h estavam sendo direcionadas para a segunda pista do aeroporto. O engenheiro agrônomo Roque Marinato, que estava no avião, relatou que o piloto avisou que faria um pouso de emergência e que todos os ocupantes da aeronave se prepararam para um o choque da aeronave no solo. “Estava todo mundo tranquilo, não houve nenhum tumulto. Claro que tem pessoas que são mais suscetíveis a ficarem nervosas, mas o clima estava tranquilo”, disse. Veja a nota da Avianca “Sobre o ocorrido nesta sexta-feira, 28 de março de 2014, a Avianca informa que a  aeronave MK-28, Prefixo OAF 6393, procedente de Petrolina com destino a Brasília, com 44 passageiros e 5 tripulantes a bordo, pousou de forma segura no Aeroporto Internacional Juscelino Kubitscheck  às 17h42. Todos os passageiros foram desembarcados e transportados, em ônibus, até o terminal de passageiros. Após o desembarque, alguns passageiros optaram por seguir em suas conexões. Durante toda a ocorrência, priorizamos a assistência aos passageiros. A Avianca informa que dos 44 passageiros a bordo do voo 6393 20 seguiram viagem em voos da própria companhia; 14 com destino a Brasília seguiram para suas residências e 9 adultos e uma criança foram acomodados em hotel.” (G1)  

Leia Mais »

Satélite tailandês detecta 300 objetos em área de busca de avião sumido

Imagens foram feitas na segunda e entregues às autoridades da Malásia. Objetos estavam a 2.700 km de Perth; ainda não se sabe se são do Boeing. Um satélite da Tailândia detectou cerca de 300 objetos flutuando no Oceano Índico perto da área de busca pelo avião da Malaysian Airlines desaparecido desde o dia 8 de março, informa a agência Associated Press. Anond Snidvongs, diretor da agência de desenvolvimento e tecnologia espacial, disse nesta quinta-feira (27) que as imagens registradas pelo satélite mostram “300 objetos de vários tamanhos” no sul do Oceano Índico a aproximadamente 2.700 km a sudoeste de Perth, na Austrália. Ele disse que as imagens foram feitas nesta segunda, levaram dois dias para serem processadas e foram enviadas às autoridades da Malásia nesta quarta. Anond disse que os objetos estavam a cerca de 200 km da área em que um satélite francês detectou 122 objetos no domingo. Ele não deixou claro se os objetos avistados pelo satélite tailandês incluem os 122 detectados pelo francês ou se seriam 300 novos objetos. Ainda é incerto se os objetos são do Boeing 777-200 que levava 239 pessoas de Kuala Lumpur a Pequim. Autoridades australianas informaram nesta quinta que as buscas pelos destroços do avião foram suspensas por causa das condições meteorológicas de chuva forte, ventos e nuvens baixas. “As operações tiveram que ser suspensas por causa do mau tempo. Todos os aviões estão voltando a Perth e os barcos deixaram a região de buscas”, informou a Autoridade Australiana de Segurança Marítima (AMSA). Buscas continuam Ao menos 26 países se mobilizaram nas buscas pelo Boeing da Malaysia Airlines que desapareceu no dia 8 com 239 pessoas a bordo. Nesta segunda-feira (24), o governo da Malásia afirmou que o avião caiu no sul do Oceano Índico, a 2.500 km a sudoeste de Perth, a grande cidade da costa oeste australiana, um dos lugares mais inóspitos do mundo. A posição exata onde o avião teria caído ainda é uma dúvida. A queda na região foi concluída por causa de registros de satélites da Inglaterra que confirmaram um último sinal recebido pelo avião nessas imediações, que uma hora depois não existia mais. Imagens de satélite da França, da China e da Austrália registradas nos últimos dias levantaram indícios de que possíveis destroços do voo MH370 poderiam estar flutuando pelo sul do Oceano Índico. Mas, até o momento, equipes de resgate não tiveram êxito em encontrar sinais definitivos da aeronave. Nesta segunda, uma aeronave australiana envolvida nas buscas, avistou dois novos objetos. Um deles era circular e de cor verde acinzentada. O segundo, laranja e retangular (G1)

Leia Mais »

Presidente da Petrobras diz que preço da gasolina deve ter novo reajuste

A presidente da Petrobras, Graça Foster, deu sinalização positiva para um possível reajuste do preço dos combustíveis em 2014. Em anúncio a analistas nesta terça-feira (25), a executiva – que tem atravessado um dos mais difíceis momentos políticos e financeiros da história da estatal – afirmou ser provável o aumento do preço da gasolina em 2012, o que contraria a visão dos que não acreditavam em um incremento impopular em pleno período eleitoral. A declaração foi dada após a divulgação do rebaixamento nota de risco da petroleira para BBB-, na agência americana Standard & Poors. Especialistas apontam os reajustes como fatores fundamentais para o equilíbrio econômico da Petrobras. (Giro em Ipiaú)

Leia Mais »
ocultação de cadáveres de presos políticos na ditadura militar

Coronel admite tortura, assassinato e ocultação de cadáveres em depoimento à Comissão da Verdade

O coronel reformado Paulo Malhães, de 76 anos, reconheceu, em depoimento à Comissão Nacional da Verdade, ter praticado torturas, homicídios e ocultação de cadáveres de presos políticos na ditadura militar, quando atuava na Casa da Morte. O centro é mantido pelo Exército no estado do Rio de Janeiro. “A tortura é um meio. Se o senhor quer saber a verdade, o senhor tem que me apertar”, disse o oficial ao ex-ministro José Carlos Dias, integrante do colegiado. Além de defender a tortura como método interrogatório, o militar também descreveu a mutilação de corpos para que não fossem identificados. “Naquela época não existia DNA. Quais são as partes que podem identificar um corpo? Arcada dentária e digitais”, citou. Ao se referir aos presos como “terroristas”, Malhães diz não sentir-se arrependido das mortes. “Essas pessoas eram guerrilheiras. Não eram pessoas normais. Não foram presas porque jogavam bola de gude”, comparou. O coronel reformado não chegou a apontar os nomes das vítimas que matou para proteger os militares que foram seus colegas. A frieza de Malhães surpreendeu o ex-ministro José Carlos Dias. “Eu não diria que ele foi corajoso. É um exibicionista, um sádico”, criticou. Já sobre a ocultação dos restos mortais do ex-deputado Rubens Paiva, em 1971, o coronel voltou atrás de declarações dadas em entrevistas a jornais e disse ter dado uma versão falsa para tranquilizar a família. Informações da Folha.

Leia Mais »
Com acordo, Câmara aprova Marco Civil da Internet

Com acordo, Câmara aprova Marco Civil da Internet

A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta terça-feira o projeto do Marco Civil da Internet, considerado com a “Constituição da Web”. A proposta segue agora para análise do Senado. A votação no plenário ocorreu após o governo recuar e ceder em artigos que tratavam sobre a neutralidade de rede e a exigência de datacenters no País. Só o PPS votou contra o texto. Em relação à neutralidade, no texto aprovado ficou mantido o entendimento do governo que prevê que o responsável pela transmissão, comutação ou roteamento tem o dever de tratar de forma isonômica quaisquer pacotes de dados, sem distinção por conteúdo, origem e destino. A proposta aprovada hoje também prevê que os provedores de aplicação de internet (site e redes sociais) somente poderão ser responsabilizados civilmente por danos decorrentes de conteúdo gerado por terceiros se, após ordem judicial específica, não tomar as providências devidas. O ponto, até esta tarde, era considerado polêmico. O projeto também estabelece responsabilidades para os provedores em casos em que um usuário da rede publique imagens com cenas de nudez ou de atos sexuais de caráter privado. A iniciativa também é conhecida como “pornografia de vingança”. De acordo com o projeto, o provedor de aplicações de internet que disponibilize tal conteúdo será responsabilizado subsidiariamente pela violação da intimidade decorrente da divulgação das imagens, sem autorização de seus participantes, se não retirar o conteúdo do ar após o recebimento de notificação feita pela pessoa exposta. Na questão das guardas dos registros de acesso, os deputados definiram que os provedores de aplicação terão que manter os dados arquivados por seis meses e os provedores de conexão por pelo menos um ano. De acordo com a projeto aprovado a autoridade policial ou o Ministério Público poderá requerer, entretanto, cautelarmente que os registros de conexão sejam guardados por prazo superior. A responsabilidade pela manutenção dos dados não poderá ser transferida a terceiros. (Bahia Notícias)

Leia Mais »
STF vai acelerar julgamento de correção do FGTS

STF vai acelerar julgamento de correção do FGTS

O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), decidiu que o plenário da Corte vai julgar a ação do partido Solidariedade (SDD) para mudar a correção monetária do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). O partido pede que a correção seja feita pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), o indicador oficial de inflação. Barroso é o relator do processo. De acordo com o ministro, devido à importância da matéria, a questão deve ser decidida da forma mais rápida. “A questão debatida no presente feito interessa a milhões de trabalhadores celetistas brasileiros, cujos depósitos nas contas do FGTS vêm sendo remunerados na forma da legislação impugnada. De forma sintomática, há notícia de mais de 50 mil processos judiciais sobre a matéria. Também impressiona o tamanho do prejuízo alegado pelo requerente, que superaria anualmente as dezenas de bilhões de reais, em desfavor dos trabalhadores”, afirmou Barroso. O ministro também autorizou o Banco Central a se manifestar no processo. “A relevância do tema é evidente, assim como a representatividade do Bacen [Banco Central]. Ademais, em se tratando da instituição competente para calcular a TR [Taxa Referencial], não há dúvida de que sua participação trará subsídios importantes para o exame da questão constitucional”, argumentou. Informações da Agência Brasil.

Leia Mais »

Agência de risco Standard & Poor’s rebaixa nota do Brasil

Nota de crédito da dívida foi revisada de ‘BBB’ para ‘BBB-‘. Apesar do rebaixamento, Brasil ainda mantém ‘grau de investimento’. A agência de classificação de risco Standard & Poor’s rebaixou nesta segunda-feira (24) a nota de crédito soberano do Brasil, que reflete a confiança de investir no país, de “BBB” para “BBB-“. A S&P também mudou a perspectiva do rating de negativa para estável. A classificação de “BBB-” ainda mantém o país com grau de investimento, que recomenda o país como destino de aplicações, mas é o último degrau para perder esse posto. O fato de ter mudado a perspectiva para estável indica que a S&P não deve fazer novos rebaixamentos no curto prazo. A Standard & Poor’s apontou em sua justificativa sinais pouco claros da política econômica do governo da presidente Dilma Rousseff, que enfrenta um frágil quadro fiscal, e também a desaceleração do crescimento do país. Em comunicado, a S&P disse que o rebaixamento do rating reflete a combinação de “derrapagem orçamentária” em meio às perspectivas de “crescimento moderado nos próximos anos”, baixo volume de investimentos, “capacidade restrita” a ajustar a política antes das eleições presidenciais de outubro e “algum enfraquecimento das contas externas do país”. Sinalizações mistas de políticas pelo governo, com implicações negativas para a credibilidade das contas fiscais e da política econômica, além de perspectiva fraca para o crescimento nos próximos dois anos, continuam pesando sobre a flexibilidade das políticas e do perfil de desempenho do país, destacou a agência. Em nota, o Ministério da Fazenda classificou a decisão da S&P de “contraditória com a solidez e os fundamentos do Brasil” e “inconsistente com as condições da economia brasileira”. O revés para o governo acontece duas semanas após o ministro da Fazenda, Guido Mantega, ter recebido a visita de uma representação da agência de classificação, que veio ao país colher dados sobre a situação econômica brasileira e contas públicas. Apesar de o governo ter anunciado cortes de gastos recentemente, a S&P aponta que o Brasil pode ter dificuldades em alcançar sua meta de superávit primário (economia para pagar os juros da dívida pública) de 1,9% do PIB. Primeira revisão para baixo desde 2002 Esta é a primeira vez desde 2002 que uma das três principais agências de rating piora a classificação do país, destaca a Reuters. A S&P foi a primeira agência que qualificou o Brasil como país com grau de investimento “BBB-“, em 2008, e chegou a elevar sua qualificação para “BBB” em novembro de 2011, mas, no ano passado, tinha colocado a nota em perspectiva negativa, em decorrência do crescimento fraco e dos gastos do governo. A agência também é a primeira a rebaixar a nota do Brasil para o primeiro degrau do grau de investimento. Pela Moody´s e Fitch, o rating do Brasil permanece no segundo degrau desde 2011. O Brasil atingiu grau de investimento peça primeira vez em abril de 2008, durante o governo Lula. Na ocasião, o petista comemorou o marco, afirmando que o grau de investimento  significa que o Brasil é um país sério e mundialmente respeitado. Rebaixamento era esperado por parte do mercado Embora a expectativa de parte do mercado fosse de que a mudança só viesse depois das eleições de outubro, o economista do Instituto de Estudos para o Desenvolvimento Industrial (IEDI) e ex-secretário de política econômica do Ministério da Fazenda, Júlio Gomes de Almeida, destaca que o rebaixamento da nota do Brasil “já era esperado”. O que assustou muito o mercado internacional foi a redução do superávit primário de 3,1%, há alguns anos, para 1,5% do PIB, se não levarmos em conta receitas extraordinárias”, disse ao G1. “A solução é dupla: tem que conter despesa e o Brasil precisa encontrar o seu ritmo maior de crescimento, que facilita o ajuste fiscal”, completou. “O que eles estão dizendo é faça a lição de casa para não perder o outra nota e perder o grau de investimento. O alerta é esse. O governo acabou tomando medidas e decisões que colocaram em suspeita a condução da política fiscal”, disse à Reuters o economista-chefe do Espirito Santo Investment Bank, Jankiel Santos. Como o rebaixamento já era esperado, apesar de ter ocorrido antes do que se imaginava, não deve trazer muita volatilidade aos mercados, na avaliação de economistas. Grau de investimento significa que país é seguro A nota “BBB-” ainda significa que o país é considerado seguro para investir, mas aponta para um aumento do risco. Quanto maior o rating de um país, melhor ele é sob o ponto de vista de atração de investimentos. A nova nota representa o primeiro degrau na escala considerada “grau de investimento”, dada a países avaliados como investimento seguro pelas agências. No mercado financeiro, o rating de um país funciona como um “certificado de segurança” que as agências de classificação dão a países que elas consideram que são bom pagadores de seus compromissos. (G1)  

Leia Mais »

Pastor teria profetizado (no ano passado) o desaparecimento do avião da Malásia

Uma semana após o desaparecimento do avião da Malaysia Airlines, o mistério sobre o caso permanece. De acordo com as autoridades, ainda não foi encontrada nenhuma pista sobre o acontecido com o voo MH370. A aeronave viajava entre Kuala Lumpur e Pequim, com 239 pessoas a bordo de várias nacionalidades, a maioria (153) cidadãos chineses. Porém, uma publicação feita pela de televisão africana Emmanuel TV afirma que seu fundador, o pastor nigeriano T.B. Joshua, profetizou o evento em um sermão no ano passado. Um texto no início do vídeo afirma que “no domingo, dia 28 de julho de 2013, o profeta T.B. Joshua deu uma mensagem profética sobre uma nação asiática; os alertando sobre um incidente envolvendo um grande avião, transportando mais de 200 pessoas, que apresentaria uma falha logo após decolar”. – Posteriormente, ele orou pela a nação – completa a mensagem do vídeo, que em seguida mostra a reprodução de um trecho do sermão. – Nós precisamos orar. Esse é um país asiático, eu não vou mencionar nenhum país, mas Deus me mostrou um país. Eu estou vendo um “grande balão”, que estava prestes a decolar e a falha começou. Isso significa que eles poderiam descobrir o problema na pista; mas por causa da impaciência, e porque há muitas coisas que precisam olhar antes de decolar, eles serão incapazes de ver – afirma o pastor. – Se Deus me permitir, eu escreverei uma carta à embaixada desse país: ‘Verifique os voos do seu país’ – ressalta Joshua, que afirma ainda que o avião estaria carregando mais de 200 pessoas. Afirmando que veria o que podia fazer para enviar uma carta à embaixada do país para alertar sobre o acidente, o pastor finalizou seu sermão pedindo para que a congregação orasse com ele pelo país. Informações do site Gospel Mais.

Leia Mais »

Guerra síria faz estilista virar camelô e engenheiro vender roupas em SP

Conheça histórias de refugiados; maioria trabalha em lojas do Brás. Aula de português em mesquita ajuda na adaptação à nova vida. Na sala de aula improvisada na Mesquita do Pari, um grupo de cerca de 20 pessoas recita junto com a professora o alfabeto e os números em português. O sotaque árabe é forte, mas a vontade de aprender também é grande: eles sabem que precisam se tornar fluentes no idioma para conseguir se adaptar à nova vida que estão construindo em São Paulo. A turma é heterogênea: há jovens, idosos, um casal com crianças, engenheiros, professores, eletricistas, pessoas de todas as profissões e classes sociais. A maioria chegou ao Brasil sem conhecer ninguém. Também não tinham lugar para morar, fonte de renda ou conhecimento da cultura do país. Cruzaram o oceano rumo ao desconhecido na esperança de um recomeço após perderem casa, emprego e segurança na Síria, atingida por uma guerra civil que acaba de completar três anos. Uma vez aqui, foram acolhidos por conterrâneos que conheceram pela internet e por comunidades religiosas como a da mesquita onde as aulas de português acontecem. Eles tentam ajudá-los como podem, auxiliando com a burocracia, com moradias provisórias, empregos informais, tratamento de saúde. Mas as barreiras são muitas. Como eles chegam com visto de turismo (o pedido de refúgio tem que ser feito em território brasileiro), não podem tirar carteira de trabalho. Pior: podem ter que esperar sete, oito meses pela entrevista para obter o protocolo que serve como documento enquanto o registro definitivo não sai. Nesse período, o visto de turista vence, e eles acabam ficando ilegalmente no país até a situação ser regularizada. Para conseguir se sustentar, muitos trabalham em lojas de roupas ou em feiras na região do Brás, independentemente da profissão que tinham antes de chegar aqui. Alguns ficam em hotéis por um período, outros dividem apartamentos com mais refugiados ou se hospedam em mesquitas, igrejas e abrigos. E assim vão levando, tentando melhorar de vida e se adaptar a uma cultura que é muito diferente da sua. Há quem não aguente e procure outro país com oportunidades melhores ou até volte para a Síria. Foi o caso, por exemplo, de um casal que, sem saber onde procurar ajuda, foi morar na rua no centro de São Paulo e acabou sendo vítima de violência – a mulher foi estuprada no episódio. Traumatizados, eles preferiram voltar para o cenário de guerra. Mas a maioria pretende ficar aqui ao menos até a situação melhorar em seu país. Para eles, as deficiências na assistência oficial acabam sendo compensadas pelo jeito acolhedor dos brasileiros. Conheça a seguir a história de alguns desses refugiados que vivem na maior cidade do país. O casal Abdallah e Nisreen Mohammed chegou a São Paulo há apenas cinco meses, mas já tem um filho brasileiro. Nisreen, de 25 anos, estava no fim da gravidez quando embarcou no voo para o Brasil junto com o marido e uma filha de dois anos. O plano inicial era ir para a Europa. Abdallah conta que pagou quase US$ 20 mil para um intermediário fazer um visto e enviá-los para “qualquer país da União Europeia que os aceitasse”. Segundo ele, o homem os enganou e eles só se deram conta de que teriam que desembarcar no Aeroporto de Guarulhos quando já estavam aqui. “Pensamos que faríamos uma conexão no Brasil e depois iríamos pra Europa”, diz o eletricista de 30 anos de idade. O sírio diz que ficou “chocado” quando percebeu o que havia acontecido. “Chegamos aqui e é uma cultura diferente, um idioma diferente, não conhecíamos ninguém, não tínhamos dinheiro para sobreviver”, diz. Com a ajuda dos voluntários da mesquita, Nisreen conseguiu fazer o pré-natal, ter o bebê na Santa Casa de Misericórdia e registrar a criança. Mas a adaptação da família não está sendo fácil. Sem falar português ainda – não dá tempo de estudar, diz Abdallah –, ele conseguiu um emprego em um restaurante árabe no Brás. Junto com a mulher e os filhos, acaba de se mudar para um apartamento de dois quartos no centro, compartilhado com outra família de refugiados com quem não tinham tido nenhum contato antes de chegar aqui. No ambiente quase sem móveis, há apenas uma cama de casal para o casal dormir com as duas crianças. “A vida em São Paulo é muito difícil. Não temos ajuda do governo, os aluguéis são muito caros comparados com o salário que a gente recebe. A vida é casa-trabalho-trabalho-casa”, diz. Abdallah afirma que sente saudade de “tudo” na Síria, mas sabe que não dá para voltar para lá por enquanto. Com os bombardeios em Aleppo, cidade onde morava, ele perdeu casa, amigos e parentes. “Quando acabar a guerra, se tivermos como viver lá, queremos voltar. Mas antes precisamos de um lugar para construir nossa vida , abrir o nosso caminho”, diz. (G1)

Leia Mais »

Satélites avistam objetos que podem ser de avião sumido, diz Austrália

Primeiro-ministro Tony Abbot deu informação ao Parlamento australiano. Quatro aeronaves foram à região apontada por satélites. O primeiro-ministro da Austrália, Tony Abbot, disse nesta quinta-feira (20) que satélites avistaram no sul do Oceano Índico dois objetos que podem estar relacionados ao Boeing da Malaysia Airlines, cujo voo MH-370 desapareceu em 8 de março, com 239 a bordo, no trajeto entre Kuala Lumpur, na Malásia, e Pequim, na China. Um dos objetos teria cerca de 24 metros. “A Autoridade Australiana de Segurança Marítima (AMSA, na sigla em inglês) recebeu informações baseadas em dados de satélites, sobre objetos que poderiam estar relacionados com a busca”, disse Abbot no Parlamento australiano. De acordo com o primeiro-ministro, os objetos estariam ao sul do Ocenao Índico, a cerca de 2.300 km da costa da cidade de Perth, onde o tempo não está bom no momento. “Ao analisarmos as imagens de satélite identificamos dois objetos possivelmente relacionados com as buscas”, disse. O chefe de governo do país da Oceania acrescentou que a tarefa é “extremamente difícil” e pode ser que a nova descoberta não tenha relação alguma com o avião, como já ocorreu anteriormente. Após o anúncio, o governo da Malásia afirmou que a localização dos objetos é um “indício crível” que pode levar ao avião, mas que ainda precisa ser confirmado. Enquanto isso não ocorre, as buscas em outras áreas foram mantidas. “Os objetos são relativamente leves. São objetos de certo tamanho, mas que flutuam de forma intermitente. O maior tem 24 metros. O outro é menor”, disse John Young, gerente geral de emergências da AMSA. Com todos os recursos possíveis utilizados nas buscas, Young afirmou que a prioridade é localizar os destroços, confirmar que se são do voo MH370, recuperá-los e trazê-los ao continente. “Continuaremos até que o encontremos ou saibamos que é impossível achá-lo”, acrescentou o funcionário australiano, mas também insistiu que as imagens captadas pelos satélites nem sempre têm relação com o que se procura. Ao menos quatro aeronaves australianas foram para região apontadas pelos satélites. O premiê afirmou que vem informando China e Malásia sobre os passos da operação. As operações ao sul do Oceano Índico, em uma área de 600.00 km², são lideradas pelaAustrália, mas também participam equipes dos Estados Unidos e da Nova Zelândia. Ao mesmo tempo, uma das equipes de busca que está sobrevoando o Oceano Índico em busca do avião disse que seu radar captou algo de “tamanho significante” sobre a água, informou a emissora “ABC”. O governo da Malásia acompanha o trabalho de busca. “Posso confirmar que temos uma nova pista”, disse o ministro dos Transportes, Hishammuddin Hussein, em Kuala Lumpur. Abbot, porém, pediu para não haver conclusões precipitadas: “devemos ter em conta que o trabalho de encontrar estes objetos será muito complicado”, afirmou o premiê australiano. As famílias dos passageiros e tripulação foram informadas sobre a descoberta. Apenas se for confirmado que os objetos faziam parte do avião os familiares serão enviados à Australia. Sumiço O Boeing 777-200 fazia o trajeto entre Kuala Lumpur e Pequim, com 239 pessoas a bordo – a maioria chineses – quando perdeu contato pelo rádio, na madrugada do dia 8 de março. Segundo a investigação, após a perda de contato o avião ainda voou por várias horas, alterando direção e altitude. As autoridades malaias consideram “intencionais” a desativação dos sistemas de comunicação do Boeing e a mudança radical de sua trajetória. A alteração de rumo não aconteceu de modo manual, e sim por meio de um código de informática possivelmente programado por uma pessoa na cabine de comando graças ao Sistema de Gestão de Voo (FMS) utilizado pelos pilotos, confirmaram investigadores americanos citados pelo jornal New York Times. (G1)

Leia Mais »

Bento XVI enviou críticas a papa sobre entrevista

A análise foi pedida pelo próprio papa para o antecessor, segundo o monsenhor Georg Gaenswein, secretário de Bento e prefeito da Casa Pontifícia. O papa emérito Bento XVI escreveu quatro páginas de comentários sobre a entrevista que o papa Francisco deu em setembro a jornais jesuítas, na qual ele criticava a obsessão da Igreja por regras “mesquinhas”. A análise foi pedida pelo próprio papa para o antecessor, segundo o monsenhor Georg Gaenswein, secretário de Bento e prefeito da Casa Pontifícia. “Ele (Bento) ofereceu pensamentos e observações sobre comentários ou certas questões sobre as quais ele achou que algo adicional poderia ser dito”, explicou Gaenswein. “Claro que não vou dizer o que, mas foi interessante.” (Correio da Bahia)

Leia Mais »

Brasil criou em fevereiro 260 mil vagas de trabalho com carteira

Resultado é 111% superior ao registrado em fevereiro do ano passado. Dados foram divulgados nesta segunda (17) pelo Ministério do Trabalho. O Ministério do Trabalho informou nesta segunda-feira (17) que foram criados em fevereiro 260.823 empregos formais (com carteira assinada). Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). O resultado de 111% é mais do que o dobro do registrado em fevereiro do ano passado, com 123.446 mil novos postos. O número é resultado de 1.989.181 contratações com carteira assinada, menos 1.728.358 demissões no período. Foi o melhor fevereiro desde 2011, quando foram criados 280.799 postos. Entre os fatores que ajudaram na elevada geração de empregos está o fato de que, ao contrário de outros anos, fevereiro de 2014 não contou com o feriado do carnaval. A criação de vagas veio acima do esperado pelo mercado e foi também bem superior à de janeiro, quando haviam sido criados 29.595 postos com carteira assinada, sem ajuste. Pesquisa da Reuters feita com analistas de mercado mostrou que a mediana das expectativas era de abertura de 110 mil novas vagas, com as projeções variando entre 91 mil e 130 mil novos postos. A economia brasileira mostra os primeiros sinais de que atividade neste início de 2014 está em ritmo positivo, com produção industrial e varejo em alta. Ainda assim, especialistas avaliam que ainda é cedo para acreditar que a economia não vai desacelerar neste ano. Mesmo com a volatilidade, o mercado de trabalho continua sendo uma das âncoras do governo da presidente Dilma Rousseff, que tentará a reeleição este ano. Ministério vê ‘reação do mercado de trabalho’ Para o ministério, o resultado de fevereiro mostra uma “reação do mercado de trabalho”. “Com essa expansão, este é o sétimo mês consecutivo de desempenho superior, quando comparado ao mesmo período do ano”, destacou o relatório. No acumulado do ano, segundo o ministério, foram gerados 302.190 postos de trabalho e no acumulado dos últimos 12 meses foram criados 1.157.709 postos de trabalho. De acordo com o relatório, de janeiro de 2011 a fevereiro de 2014 foram criadas 4.792.529 vagas. “Em 2014, o emprego não vai diminuir. Pelo contrário, vai garantir a irrigação da nossa economia por muito tempo ainda. Vivemos em pleno emprego. Agora, temos que qualificar esse emprego para ter competitividade e disputar a supremacia mundial”, disse o ministro do Trabalho e Emprego, Manoel Dias, durante a apresentação dos dados em Florianópolis. A meta do Ministério do Trabalho é alcançar, ao longo de 2014, entre 1,4 milhão e 1,5 milhão de novos empregos. No ano passado, foram criados 1,11 milhão de vagas, pior resultado em dez anos e 14,1% menor do que o registrado em 2012. Setor de serviços tem criação recorde para o mês Os dados do Caged mostram que a expansão do emprego em fevereiro foi generalizada, com “todos os setores” apresentando um melhor comportamento frente a fevereiro de 2012″, segundo o ministro. O setor que mais cresceu foi o setor de serviços, com 143.345 empregos. A indústria de transformação foi o segundo, com 51.951 postos de trabalho. Em terceiro lugar ficou a construção civil com 25.055 postos. Na sequência, aparecem comércio (+19.330 postos, o maior saldo para fevereiro desde 2005), administração pública: (+12.804 postos) e agricultura (+6.098, o que aponta para uma reação comparativamente a fevereiro de 2013, quando foram perdidos 9.775 postos). Sul e Nordeste registram saldo recorde Segundo os dados do Caged, a expansão do nível de emprego foi verificada nas cinco  grandes regiões do país, com Sul e Nordeste registrando saldos recordes. No Sul, o saldo foi de 79.990 postos, proveniente da expansão recorde do emprego nos 3 estados: Santa Catarina (+27.891 postos ou +1,40%), Rio Grande do Sul (+26.487 ou +1%) e Paraná (+25.612 ou +0,94%). Os catarinenses só ficaram atrás dos paulistas em número de vagas criadas. O estado de São Paulo liderou a geração de emprego no país em fevereiro, com um saldo de 77.928 empregos formais. No Nordeste, a expansão foi de 17.565 postos, resultado do aumento do emprego em sete estados, com cinco deles registrando recordes: Bahia (+7.420 postos), Ceará (+7.231), Paraíba (+1.385), Piauí (+ 966) e Rio Grande do Norte (+931). No Sudeste, o saldo foi de 130.628 vagas. No Rio, a expansão foi de 25.820 postos e no Espírito Santo, de 4.166. No Centro-Oeste, foram gerados 29.515 novos postos e no Norte, 3.125 empregos formais. (G1)

Leia Mais »

Brasil é o pais onde os ricos pagam menos impostos

Reclamar dos impostos é hábito comum da elite brasileira. Mas uma comparação internacional mostra que a parcela mais abastada da população não paga tantos tributos assim. Estudos indicam que são justamente os mais pobres que mais contribuem para custear os serviços públicos no país. Levantamento da PricewaterhouseCoopers (PWC) feito com exclusividade para a BBC Brasil revela que o imposto de renda cobrado da classe média alta e dos ricos no Brasil é menor que o praticado na grande maioria dos países do G20 – grupo que reúne as 19 nações de maior economia do mundo mais a União Europeia. A consultoria comparou três faixas de renda anual: 70 mil libras, 150 mil libras e 250 mil libras – renda média mensal de cerca de R$ 23 mil, R$ 50 mil e R$ 83 mil, respectivamente, valores que incorporam mensalmente o 13º salário, no caso dos que o recebem. Nas três comparações, os brasileiros pagam menos imposto de renda do que a maioria dos contribuintes dos 19 países do G20. Nas duas maiores faixas de renda analisadas, o Brasil é o terceiro país de menor alíquota. O contribuinte brasileiro que ganha mensalmente, por exemplo, cerca de R$ 50 mil fica com 74% desse valor após descontar o imposto. Na média dos 19 países, o que resta após o pagamento do imposto é 67,5%. Já na menor faixa analisada, o Brasil é o quarto país que menos taxa a renda, embora nesse caso a distância em relação aos demais diminua. Quem ganha por ano o equivalente a 75 mil libras (cerca de R$ 23 mil por mês), tem renda líquida de 75,5% no Brasil e de 72% na média do G20. As maiores alíquotas são típicas de países europeus, onde há sistemas de bem estar social consolidados, mas estão presentes também em alguns países emergentes. Na Itália, por exemplo, praticamente metade da renda das pessoas de classe média alta ou ricas vai para os cofres públicos. Na Índia, cerca de 40% ou mais, assim como no Reino Unido e na África do Sul, quando consideradas as duas faixas de renda mais altas em análise. (Ilhéus 24 Horas)

Leia Mais »

Corpo de PM morto na UPP da Vila Cruzeiro é enterrado no Rio

O corpo do policial militar Leidson Acácio Alves Silva, morto durante um ataque, na quinta-feira (13), na Vila Cruzeiro, no Conjunto de Favelas da Penha, Subúrbio do Rio, foi enterrado no Cemitério de Sulacap, na Zona Oeste. O enterro aconteceu, às 16h15 desta sexta-feira (14). Amigos e familiares estavam muito emocionados no velório. O comandante-geral da PM, José Luiz Castro, e o coordenador das UPPs, Frederico Caldas, foram ao enterro. ”Me deixa revoltado. Ele era uma pessoa sensacional, muito humilde. Muita gente fica com medo, mas escolhi isso pra mim. É covardia atrás de covardia. Eu estava de folga e fui pra la assim que soube. O tenente Acácio era uma pessoa surpreendente”, disse um soldado, também lotado na UPP, que preferiu não se identificar. O soldado disse ainda que os criminosos só agem na covardia, mas não batem de frente. “Eles postam na internet com armas pra mostrar para a população deles que ainda estão no controle. Foi patrulhamento, não foi ataque. Eles só agem com covardia. Acho que enquanto os direitos humanos existirem a gente nunca vai poder trabalhar na favela”, disse ele. (G1)

Leia Mais »

TV está presente em 99% dos domicílios nordestinos e internet em 29%, diz Ipea

Uma pesquisa divulgada nesta quinta-feira (13) pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) revelou que 9,1% dos domicílios brasileiros estão em estado de total desconexão. Os referidos domicílios não possuem qualquer tipo de serviço de telecomunicações, como telefonia fixa, móvel, TV por assinatura ou internet. O levantamento foi feito em 3.810 lares, selecionados conforme a proporção de residentes por região do país indicada no Censo de 2010. No Nordeste, em 39,6% das casas foi registrada a presença de pelo menos um computador e, em 29,2%, do acesso à internet. As parcelas são menores do que as médias nacionais – de 48,1% de assiduidade dos PCs e 40,8% de utilização da web – e posiciona a unidade como a segunda com maior número de habitantes “offline”, atrás apenas do Norte. Na direção contrária, os televisores ocupam quase 99% dos domicílios nordestinos. Desses, 87,7% assistem somente à TV aberta – maior densidade de utilização do serviço do Brasil – e 5,7% à TV por assinatura. Ainda de acordo com o estudo, 54,4% dos lares do país utilizam telefonia fixa – a maior parte deles (47,8%) atendidos pela operadora Oi – e 15,5% não têm moradores com aparelhos celulares. (Folha)

Leia Mais »

Número de feridos em explosão em NY passa de 27

Duas vítimas continuam em estado grave, relataram bombeiros. O incidente provocou a morte de duas mulheres, ainda não identificadas. Ao menos 27 pessoas, incluindo quatro crianças, ficaram feridas e dez ainda estão desaparecidas após a explosão que afetou três edifícios residenciais no leste do Harlem, em Nova York. Duas vítimas continuam em estado grave, relataram bombeiros. O incidente provocou a morte de duas mulheres, ainda não identificadas. Em entrevista coletiva após o incidente, o prefeito de Nova York, Bill de Blasio, disse que alguns dos desaparecidos poderiam estar fora dos prédios no momento da explosão, mas garantiu que providências serão tomadas. “Haverá uma busca entre os escombros do edifício assim que o fogo for controlado”, afirmou. “Esta é uma tragédia da pior espécie, porque não havia nenhum modo de salbar essas pessoas a tempo.” O porta-voz do Corpo de Bombeiros de Nova York informou que até agora haviam duas pessoas com ferimentos fatais, cinco com ferimentos graves e 20 com ferimentos leves. Autoridades relataram que o fogo persistia nos escombros, mas que os focos eram isolados. Equipes de resgate devem trabalhar durante a noite vasculhando os destroços. Entre as pessoas que tiveram ferimentos leves estão dois agentes do FBI que passavam de carro na rua dos edifícios no momento da explosão. Testemunhas disseram ter ouvido um forte barulho de explosão perto da Rua East 116th e da Park Avenue. Os Bombeiros receberam a primeira ligação às 9h31 (horário local) e chegaram ao local cerca de dois minutos depois. Vários moradores do bairro relataram que havia um cheiro muito forte de gás na região antes da explosão. “Nós podíamos sentir o cheiro”, disse Ashley Rivera, 21 anos, que morava em um dos edifícios atingidos. “Nós ficamos nos perguntando o que era aquilo e o cheiro persistia.” A explosão afetou três prédios, os números 1.642, 1.644 e 1.646 da Park Avenue, sendo que os dois últimos entraram em colapso. O prefeito de Nova York descreveu a explosão como de “impacto muito grande”, acrescentando que foi seguida de um grande incêndio. (Correio da Bahia)

Leia Mais »

Papa quer que igreja estude união homosuxual

O Papa Francisco quer estudar as uniões homossexuais para entender por que alguns países optaram por sua legalização, afirmou neste domingo o cardeal de Nova York, Timothy Dolan. A afirmação foi feita durante mais um movimento de abertura em relação a um tema tabu para a Igreja. Em entrevista ao programa “Meet the Press”, da emissora americana NBC, o cardeal ressalvou que o Pontífice não disse ser a favor do matrimônio gay, mas que “a Igreja deve buscar e ver as razões que levaram alguns Estados a aprovar uniões civis entre pessoas do mesmo sexo em vez de condená-las”. Para Dolan, o casamento entre um homem e uma mulher não é algo que se refere somente à religião e ao sacramento, mas representa “um elemento de construção da sociedade e da cultura”. – E se retirarmos o significado sagrado do casamento, temo que não só a Igreja sofra, temo que a cultura e a sociedade também sofram – pontuou. Na semana passada, o Papa Francisco disse em uma entrevista ao jornal “Corriere della Sera” que é preciso analisar caso a caso as uniões civis para casais homossexuais, mas reiterou que “o casamento é entre um homem e uma mulher”. Em outro comentário sobre o assunto que divide clérigos, o Pontífice argentino afirmou, no ano passado, que a Igreja tem o direito de manifestar as suas opiniões, mas não pode interferir espiritualmente nas vidas de gays e lésbicas. Ele criticou religiosos cada vez mais obcecados em pregar sobre o aborto, casamento gay e contracepção – e disse que escolheu não falar sobre isso. Na viagem de volta à Itália, após a Jornada Mundial da Juventude no Brasil, em julho, Francisco saiu em defesa dos homossexuais, dizendo que “eles não devem ser discriminados e devem ser integrados na sociedade”. (Ilhéus 24 Horas)

Leia Mais »

OAB pede aumento do valor para isenção do IR

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) entrou nesta segunda-feira (10) com uma ação direta de inconstitucionalidade (Adin) no Supremo Tribunal Federal (STF). Na ação, a OAB está pedindo a correção da tabela para os isentos do pagamento de imposto de renda, segundo a inflação medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). A entidade alega que há defasagem acumulada de 61,24% no cálculo durante o período de 1996 a 2013, de acordo com o Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (Dieese). De 1996 a 2001, a tabela ficou congelada e as correções posteriores não acompanharam a inflação. Desde 2007, a base de cálculo é a estimativa do governo para a inflação, que tem ficado aquém da inflação real. Em 2013, o chamado centro da meta foi 4,5%, e o IPCA fechou em 5,91%. “Em 1996, eram isentos os que recebiam até oito salários mínimos. Hoje, o patamar está em três salários. É óbvio que houve um aumento do salário mínimo, mas não a ponto de afetar assim a faixa de isenção. Constitui um confisco utilizar correção de direitos por um índice que não seja a tabela de inflação”, disse Marcus Vinícius Coêlho, presidente da OAB. Atualmente, está isento quem ganha até R$ 1.787, cerca de 75 milhões de brasileiros, segundo cálculo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Se a correção acompanhasse a inflação, a isenção atingiria os que ganham até R$ 2.758, aumentando em 8,5 milhões o número dos que não pagam o imposto de renda. Na ação de inconstitucionalidade, a OAB pede a correção da defasagem cheia para o ano-calendário 2013 e para os exercícios seguintes, com aplicação imediata da nova faixa de isenção. Caso o Supremo entenda que isso seria danoso aos cofres públicos, a entidade sugere que a recomposição seja aplicada nos próximos dez anos, a um percentual de 10% ao ano. Para Coêlho, o STF pode acolher favoravelmente a ação, porque no ano passado julgou inconstitucional a correção do pagamento de precatórios pela Taxa Referencial (TR), e entendeu que o ajuste deveria ocorrer pelo IPCA. “O STF decidiu (…) que corrigir direitos por um índice que não expressa a inflação é uma atitude inconstitucional”, declarou. No texto da ação, a OAB cita o princípio do mínimo existencial, valor necessário à sobrevivência. “O cidadão possui o direito de ter o mínimo para sobreviver e esse mínimo não pode ser tributado. A inflação é uma realidade que não pode ser descartada”, afirmou o presidente da OAB. A ação foi distribuída para o ministro Luiz Roberto Barroso, que será o relator. (Ibahia)  

Leia Mais »

Com aumento da frota, país tem 1 automóvel para cada 4 habitantes

São Caetano, SP, é a cidade com mais carros por habitante: 2 para cada 3. Porto Walter, no AC, é a única das 5.570 que não possui automóvel. O número de carros não para de crescer no país. Com o aumento da frota, o Brasil já tem um automóvel para cada 4,4 habitantes. São 45,4 milhões de veículos do tipo. Há dez anos, a proporção era de 7,4 habitantes por carro. No último ano, só 19 das 5.570 cidades do país registraram uma diminuição na frota de automóveis Cruzamento feito pelo G1 com base nos números de registros do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) e nas estimativas populacionais do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) de 2013 revela que, das dez cidades com mais carro por habitante, nove estão na região Sudeste. A campeã é São Caetano do Sul. São 99 mil veículos de passeio para uma população de 156 mil – uma média de dois veículos para cada três pessoas. Uma das explicações para o índice é a alta renda per capita. A cidade é a que tem o maior Índice de Desenvolvimento Urbano (IDH) do país. “Além disso, o ABC é um dos berços da indústria automobilística do Brasil. A população é apaixonada por automóvel”, diz o secretário interino de Mobilidade Urbana da cidade, Marcelo Ferreira de Souza. Segundo ele, o boom de veículos nos últimos anos, parte em razão da rápida verticalização do município, tem provocado congestionamentos e complicado o tráfego. “Como a área da cidade é pequena e toda urbanizada, fica difícil lidar com a malha viária, que está estacionada. A saída tem sido implantar semáforos inteligentes, por demanda de veículos, mudar alguns sentidos de vias. Mas há horários de pico em que a situação fica muito complicada”, admite. Souza diz que a localização também é um agravante, já que São Caetano vira passagem para muitos moradores do ABC que têm como destino São Paulo. “A frota flutuante é bem maior que a do município.” Para o economista Ladislau Dowbor, do Núcleo de Estudos do Futuro da PUC-SP, o problema não é a quantidade de carros no país, e sim o modelo criado nas cidades para favorecer o transporte individual. “Há muitíssimos países com uma densidade de automóveis por habitante maior, mas onde se circula normalmente. O problema no Brasil é que, por pressão política das empreiteiras e montadoras, se fez todas as infraestruturas para o automóvel, e não para o transporte coletivo.” “O carro usado para a compra no supermercado, para o lazer à noite, não causa grande prejuízo. O absurdo é ter, numa cidade como São Paulo, 6,5 milhões de pessoas indo para o trabalho todo dia, para os mesmos destinos, de carro e na mesma hora”, afirma. Dowbor diz que é preciso mudar a matriz de transporte brasileira. “Precisa tirar o combustível poluente, generalizar o uso da bicicleta, especialmente a elétrica, implantar mais ciclovias, reduzir drasticamente as emissões e os custos para as pessoas. É possível se deslocar em pouco tempo, de maneira barata, com uma opção de transporte ditada pela racionalidade e pela necessidade da população”, pontua. Só um município do Brasil não possui nenhum automóvel registrado. Trata-se de Porto Walter, no Acre. O G1 esteve na cidade, de pouco mais de 10 mil habitantes, que só tem acesso por rio e não possui quase nenhuma rua asfaltada. O país tem hoje 18 milhões de motocicletas – uma para cada 11 habitantes. O número é mais de três vezes o registrado em 2003 (5,3 milhões), quando a proporção era de uma moto a cada 33 pessoas. A facilidade de compra e o baixo valor fazem com que a frota de motos seja maior que a de carros em 44% das cidades do país atualmente. Para Dowbor, o aumento do número de motos preocupa, principalmente nas grandes metrópoles. “É desastroso. Em São Paulo, há uma morte e meia por dia. É um massacre. Isso sem contar os feridos e os custos para a saúde. Em Xangai (China), não há uma moto que circule nos espaços de carro. Há sistemas elétricos, que andam a 30 km/h, o que é razoável, permite se deslocar rapidamente e sem poluição sonora.” Dados do Datasus, banco estatístico do Ministério da Saúde, mostra que a cada ano cerca de mil pessoas a mais morrem vítimas do trânsito. São mail de 40 mil óbitos anuais hoje. (G1)

Leia Mais »