Home 10 Ubaitaba na Wikipédia

Ubaitaba na Wikipédia

Ubaitaba

Município de Ubaitaba
“Uba”
Brasão de Ubaitaba
Bandeira Brasão
Hino
Aniversário 27 de julho
Fundação Não disponível
Gentílico ubaitabense
Prefeito(a) Asclepíades de Almeida (PMDB)
(2013–2016)
Localização
Localização de Ubaitaba
Localização de Ubaitaba na Bahia
Ubaitaba está localizado em: Brasil

Ubaitaba

Localização de Ubaitaba no Brasil

14° 18′ 46″ S 39° 19′ 22″ O
Unidade federativa  Bahia
Mesorregião Sul Baiano IBGE/2008 3
Microrregião Ilhéus-Itabuna IBGE/2008 3
Municípios limítrofes Aurelino Leal, Marau, Ubata, Itacaré
Distância até a capital 450 km
Características geográficas
Área 221,753 km² 4
População 20 697 hab. IBGE/20105
Densidade 93,33 hab./km²
Clima Não disponível
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH 0,641 médio PNUD/2000 6
PIB R$ 105 926,106 mil IBGE/20087
PIB per capita R$ 5 122,65 IBGE/20087
Página oficial

Ubaitaba é um município brasileiro do estado da Bahia. Sua população estimada em 2004 era de 25.286 habitantes e em 2009 a estimativa era de 20.333 habitantes.

História

Ubaitaba formou-se a margem esquerda do rio das Contas, numa planície entre as colinas e o rio. Sua origem relaciona-se a criação do Arraial de Faisqueira (1783), então área destinada a extração de madeira, a cultura da cana de açúcar, dos cereais e do cacau. Com o tempo, surgiram estradas para conduzir os trabalhadores as roças e escoar os produtos das lavouras para o Arraial de Faisqueira.

Ubaitaba (até 1944: Itapira) recebeu status de município pelo decreto nº 8567 de 27 de julho de 1933, com território desmembrado de Itacaré.8

Administração

Renato Laport – A autonomia política-administrativa de Ubaitaba é bastante inusitada. O município foi emancipado duas vezes. A primeira foi no mês de Julho de 1931, quando aconteceu a Reorganização Municipal da Bahia. A sub-prefeitura de Itapira foi considerada mais desenvolvida que Barra do Rio de Contas e por isso passou a ser a sede do município. Nesse ano era prefeito Renato Laport que ficou de 8 de Julho a novembro, quando foi afastado acusado de irregularidades administrativas e o capitão Joaquim Ribeiro Monteiro foi encarregado para ser interventor onde ficou por um mês, até que outra pessoa fosse nomeada para assumir o cargo. Mais tarde foi escolhido o coronel José Augusto Mendes para chefiar a prefeitura de Itapira, mas ele restabeleceu a sede do município para Barra do Rio Contas e outra vez Itapira voltou a ser dependente politicamente daquele município.

Rui Santos – Ele passou da condição de sub-prefeito desde 1931 a prefeito de Itapira. Foi uma das pessoas que mais lutaram pela emancipação dessa localidade. Rui Santos , filho de Casa Nova-BA, chegou em nossa cidade em 31. As suas principais obras foram a construção do prédio da antiga delegacia de polícia na Praça Santo Antonio, começo de urbanização da praça 24 de outubro (atual Dr. Xavier) e início da construção da Escola Osvaldo Cruz. Governou até a regularização das eleições que na época havia sido suspensa por conta da “Revolução de 30” que colocou Getúlio Vargas no poder. Rui Santos ficou no cargo até abril de 1934.Afastou-se para a capital do Estado e ficou respondendo pelo expediente municipal o seu secretário o Sr. Nicanor Souza. Este, ficou como prefeito interino por 3 meses até a nomeação do senhor Juvenal França em 5 de Julho do mesmo ano.Veja mais sobre Ubaitaba

Referências

  1. Traços e Retratos da Nossa História, de Aleilton Oliveira
  2. Site oficial de Ubaitaba www.ubaitaba.com
  3. a b Divisão Territorial do Brasil. Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  4. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial. Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Página visitada em 5 dez. 2010.
  5. Censo Populacional 2010. Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (29 de novembro de 2010). Página visitada em 11 de dezembro de 2010.
  6. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil. Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2000). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  7. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Página visitada em 11 dez. 2010.
  8. Título não preenchido, favor adicionar. Página visitada em 14/06/2013.
[Esconder]
v • e

Bahia Mesorregião do Sul Baiano

Microrregião de Ilhéus-Itabuna Almadina * Arataca * Aurelino Leal * Barra do Rocha * Barro Preto * Belmonte * Buerarema * Camacan * Canavieiras * Coaraci * Firmino Alves * Floresta Azul * Gandu * Gongogi * Ibicaraí * Ibirapitanga * Ibirataia * Ilhéus * Ipiaú * Itabuna * Itacaré * Itagibá * Itaju do Colônia * Itajuípe * Itamari * Itapé * Itapebi * Itapitanga * Jussari * Mascote * Nova Ibiá * Pau Brasil * Santa Cruz da Vitória * Santa Luzia * São José da Vitória * Teolândia * Ubaitaba * Ubatã * Una * Uruçuca * Wenceslau Guimarães
Microrregião de Porto Seguro Alcobaça * Caravelas * Eunápolis * Guaratinga * Ibirapuã * Itabela * Itagimirim * Itamaraju * Itanhém * Jucuruçu * Lajedão * Medeiros Neto * Mucuri * Nova Viçosa * Porto Seguro * Prado * Santa Cruz Cabrália * Teixeira de Freitas * Vereda
Microrregião de Valença Cairu * Camamu * Igrapiúna * Ituberá * Maraú * Nilo Peçanha * Piraí do Norte * Presidente Tancredo Neves * Taperoá * Valença

Comentários pelo Face:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *