Conecte-se conosco

Bahia

Bahia já tem 62 casos e três mortes de crianças com síndrome associada à covid-19

Publicado

em

Você acha mesmo que a covid-19 só ‘afeta’ os idosos? A Bahia já registra 62 casos e três mortes de crianças de até nove anos com a Síndrome Inflamatória Multissistêmica Pediátrica (SMIP), doença associada à infecção por covid-19. Esses dados correspondem ao divulgado nesta quinta-feira (18), no boletim epidemiológico da Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) e registrados até a última terça-feira (23). Os três óbitos na Bahia aconteceram em 2020. O primeiro foi no registrado no dia 26 de agosto, de um menino de nove anos que morava em Salvador. Na época, o estado já tinha registrado 14 casos da doença, que começava a ser notificada em todo o país. Desde então, mês a mês, os números foram crescendo, numa média de 8 novos casos por mês. Em setembro, no dia 17, morreu a segunda criança no estado pela síndrome, um menino de um ano que residia em Maracás, no centro-sul baiano. Dois meses depois, em 20 de novembro, quando a Bahia já tinha 40 casos da síndrome, o terceiro óbito foi registrado, o de uma menina de sete anos que vivia em Camacan, no sul da Bahia. Essas informações são da coordenadora de imunização da Sesab, Vânia Vandenbroucke.

 

 

 

 

 

Notícias da Semana

Copyright © 2020 Ubaitaba.com.