Home / AÇÃO POLICIAL / Ipiaú: Acusado de atirar em comício diz que confusão foi gerada após uma ‘cotovelada’ na passeata

Ipiaú: Acusado de atirar em comício diz que confusão foi gerada após uma ‘cotovelada’ na passeata

A polícia militar prendeu cinco suspeitos de envolvimento no crime praticado na noite dessa quinta-feira (15), durante um comício em frente ao Ginásio de Esportes Clériston Andrade.

suspeitos-de-atirar-em-comicio-ipiau

Cinco pessoas foram detidas e apresentadas na manhã dessa sexta-feira (16) na delegacia de Ipiaú. Segundo um policial militar, a motivação alegada por um dos autores dos disparos, teria sido uma cotovelada durante o percurso da caminhada política.

“Ele (acusado) disse que após uma cotovelada, houve um desentendimento e ele com o parceiro foram em casa e se armaram, retornando para o local do comício. Foram usadas duas armas, um revólver e uma pistola. Apreendemos o revólver, mas a pistola ainda não foi encontrada”, disse o PM.

Ainda segundo a autoridade policial, o crime não teve cunho político. Os suspeitos permanecem detidos e serão ouvidos pelo delegado Ivan Lessa. O delegado informou ao radialista Amarelinho que apenas dois dos detidos tem envolvimento direto com atentado. Os demais foram presos durante a ação da PM. (Giro Ipiaú)

Check Also

Jornada pedagógica em Itacaré discute relação entre Educação e a Sociedade

Diretores de unidades escolares, vices, coordenadores pedagógicos, orientadores, professores, profissionais não docentes, pais, alunos e …

Comentários pelo Face:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: