Home 10 AÇÃO POLICIAL 10 Da ficção para a realidade: Itabuna se transforma em rota do tráfico com carregamento milionário de drogas

Da ficção para a realidade: Itabuna se transforma em rota do tráfico com carregamento milionário de drogas

Um caminhão carregado de sucata, avaliada em mais de R$ 1 milhão. Só para transportar essa “mina de ouro”, o motorista recebeu, nada menos, que R$ 8 mil. Na verdade, essa história da sucata “milionária” foi apenas uma forma que encontramos para representar a cena fictícia da novela global, A Força do Querer, transformada em realidade na manhã desta segunda-feira (29), quando Itabuna, como rota do tráfico, recebeu um carregamento de cocaína pura, distribuída em 50 pacotes.
O entorpecente pesa, ao todo, 55 quilos. A droga estava em um dos caixotes, carregados de ferros velhos, vindo do estado de Rondônia, mais precisamente da cidade de Ariquemes. Essas sucatas eram só fachada de um negócio sujo, que “abarrotaria” os bolsos de traficantes dessa cidade. Os “coronéis” do tráfico, no entanto, não contavam com o serviço de inteligência da polícia, que puxou a “cortina” e trouxe à tona os bastidores do crime.
Tudo começou, quando o caminhoneiro, identificado como Ariones José Pinto, de 53 anos, chegou a Itabuna, quase na madrugada da última sexta-feira (26). Assim que o dia amanheceu, já no sábado (27), ele ligou para aquele que seria o responsável pelo recebimento da carga. O traficante, então, pediu que o caminhão fosse descarregado somente na manhã desta segunda e prometeu pagar a mais pela espera.
Quando o motorista seguia para o local combinado, no bairro Jaçanã, o caminhão apresentou problemas em seu sistema de ar, nas imediações do 15º Batalhão da Polícia Militar. O traficante foi avisado e contratou um mecânico para tentar resolver o problema. No momento em que os dois homens tentavam consertar o veículo, foram surpreendidos pelo agente Lúcio Serra e sua equipe. Os policiais, imediatamente, entraram em contato com o coordenador da 6ª Coorpin, André Aragão.
O Cicom já tinha ligado para a coordenadoria em Itabuna, passando todas as informações descobertas pelo Serviço de Inteligência em Salvador. Agora, era só descarregar o caminhão e apreender a droga. E foi o que aconteceu. Diante do flagrante, o caminhoneiro garantiu ao delegado André Aragão que não sabia da existência de drogas na carga que transportava.
“Estou surpreso”, disse caminhoneiro
A cocaína estava escondida em uma espécie de cofre, infiltrado entre a sucata de um dos caixotes. Cada caixote tinha entre uma a duas toneladas de ferro velho. O experiente Lúcio Serra, coordenador de investigação da 6ª Coorpin, desconfiou do valor do frete. Como relatamos no início da matéria, o valor pago pelo transporte da “sucata” foi de R$ 8 mil. “A carga de sucata valeria, aproximadamente, R$ 1 mil. Além disso, Itabuna não tem indústrias deste tipo e não costuma receber este tipo de carga”, ponderou o agente.
O caminhoneiro e o mecânico foram conduzidos para a delegacia, onde prestaram depoimento. Eles já foram liberados, segundo a polícia. Em entrevista ao Verdinho, o condutor do caminhão, mais uma vez, afirmou que não sabia de nada. “Estou surpreso com essa situação. Jamais ia imaginar. Se eu soubesse, jamais eu ia carregar drogas”, defendeu-se Ariones.
O delegado André Aragão informou que o próximo passo, agora, será prosseguir com as investigações, tendo como alvo a prisão dos traficantes responsáveis pela droga. “Existe uma rede de distribuição de drogas. Já temos uma linha de investigação. Precisamos comprovar isso e representar pela prisão preventiva dos acusados”, disse Aragão. A identidade de um dos suspeitos já foi descoberta e está sendo mantida em sigilo para não atrapalhar o andamento do caso. O traficante em questão, chamado no meio policial como “tiro surdo” (quando nunca foi pego) seria do bairro de Fátima e está foragido.
De acordo, ainda, com o delegado, um dos planos dos traficantes seria misturar a pasta base de cocaína até triplicar a quantidade, dobrando a fortuna para até R$ 2 milhões. “Essa operação foi um baque muito grande para a sociedade criminosa”, comemorou o coordenador da Polícia Civil. Vale lembrar que esta foi a maior a apreensão de drogas feita em Itabuna este ano, em Itabuna.(Verdinho Itabuna)

Check Also

Exclusivo: Polícia Civil de Ubaitaba cumpre mandato de prisão por estupro

Uma Operação da Polícia Civil realizada na tarde desta quarta-feira (21), por volta das 16:00hr, coordenada …

Comentários pelo Face:

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *