Home 10 AGENDA & EVENTOS 10 Definidas as atrações do Itacaré Sound Festival no Mundial de Surf

Definidas as atrações do Itacaré Sound Festival no Mundial de Surf

A coordenação do Itacaré Surf Sound Festival divulgou nesta quinta-feira a programação oficial do evento, que acontecerá nos dias 27 e 28 de outubro durante Mundial de Surf QS1.500 masculino. O evento acontecerá na Cabana Corais, na Praia da Concha, e de acordo com a programação, na sexta-feira, dia 27, estarão se apresentando as bandas ConeCrew, do Rio de janeiro, e Maskavo, de Brasília e São Paulo. No sábado, dia 28, será a vez das bandas Bruta Raça e Rael da Rima, que tem músicas que fazem parte do álbum da série Malhação.

Apesar de todas as dificuldades e da crise nacional, os organizadores do evento explicaram que Itacaré não poderia deixar de realizar o Sound Festival, que complementa o Mundial de Surf. O primeiro passo, segundo eles, foi trazer de volta o mundial para Itacaré e o próximo desafio será criar um grupo de trabalho para que o Festival do próximo ano seja ainda melhor, com muito mais atrações. “O Festival desse ano será também um grande evento”, garantiram. Os ingressos estarão à venda já na próxima segunda-feira no Pé de Améndoa e na Giltec, em Itacaré, e na nas lojas da Back Door, em Ilhéus e Itabuna.

Itacaré vai se transformar na capital internacional do surf com a realização do Mundial QS1.500 masculino e o Itacaré Surf Sound Festival, que acontecerão entre 26 e 29 de outubro, na praia da Tiririca. O evento vai reunir atletas de diversos países e terá como diferencial, além das belezas naturais da cidade e das excelentes ondas de Itacaré, a conscientização para a necessidade de preservação ambiental com uma série de ações educativas voltadas para a conservação da natureza e a sustentabilidade.

Realizado pela World Surf League (WSL) e pela Prefeitura Municipal, a etapa do mundial de surf de Itacaré vai distribui US$ 20 mil em prêmios e vais trazer para a cidade surfistas de vários países, colocando mais uma vez o município como uma referência internacional do esporte. E como o grande diferencial será o apelo para a preservação ambiental, durante o mundial entidades como o Recicla Itacaré, Instituto Floresta Viva, Instituto Baleia Jubarte, Mecenas e Associação de Surf de Itacaré, em parceria com as secretarias de Meio Ambiente e Educação, estarão desenvolvendo ações educativas com estudantes das redes públicas e particulares e os próprios participantes do evento, mostrando a importância da preservação do meio ambiente, com palestras, atividades de coletas, exposições artísticas e plantio de mudas.

O retorno do mundial de surf para Itacaré foi uma ação do prefeito Antônio de Anízio e do diretor de planejamento Kleber Miranda, que desde o mês de fevereiro vem se reunindo com representantes da WSL South América, empresa responsável pelo evento, manifestando o desejo da cidade voltar a sediar o mundial. De acordo com o prefeito, Itacaré é hoje conhecida a nível internacional pelo surf e não poderia continuar de fora do mundial, não somente pelo incentivo ao esporte, mas pelo retorno que eventos como esse traz para o turismo local, movimentando a economia da cidade.

O Mundial QS1.500 masculino e o Itacaré Surf Sound Festival conta com o apoio da South to South, Associação de Surf de Itacaré, Governo da Bahia, Instituto Floresta Viva, Pousada Terra Boa, Grou Turismo.

Check Also

Colégio C.E.U de Ubaitaba realiza Olimpíadas Estudantis

Começou nessa terça-feira (17), as olimpíadas do colégio C.E.U, que acontecerá até o dia 21. …

Comentários pelo Face:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: