Conecte-se conosco

DE OLHO NO ESPORTE

Tite assina por três anos e confirma retorno ao Corinthians em 2015

Publicado

em

Adenor Leonardo Bacchi vai voltar a vestir preto e branco em 2015. Tite, o técnico que conquistou os títulos mais importantes da história do Corinthians, acertou seu retorno ao clube nesta segunda-feira.

Tite levanta a taça de campeão da Libertadores pelo Corinthians (Foto: Marcos Ribolli)

Tite levanta a taça de campeão da Libertadores pelo Corinthians (Foto: Marcos Ribolli)

O acerto aconteceu após dias de negociação com Roberto de Andrade, candidato da situação na eleição presidencial de fevereiro. Ele assinou contrato válido por três anos, com multa rescisória baixa, e será apresentado nesta terça-feira, às 12h (horário de Brasília), no CT Joaquim Grava, no dia em que o Timão completa dois anos da conquista do Mundial de Clubes.

O acerto foi definido entre o técnico, o presidente Mário Gobbi, Roberto de Andrade e o agente Gilmar Veloz. Tite estava em Porto Alegre até a tarde desta segunda e voou para São Paulo com o acerto praticamente sacramentado.

O tempo de contrato e o salário eram dúvidas. O Corinthians ofereceu R$ 400 mil, mas fechou por cerca R$ 500 mil, valor intermediário entre as pedidas das duas partes. O Internacional também sonhava com o técnico, que, de acordo com pessoas próximas, sempre mostrou maior entusiasmo pelo clube alvinegro.

O treinador terá a missão de reconduzir o Corinthians às grandes conquistas. Mas terá logo pela frente um obstáculo que conhece bem: a fase prévia da Libertadores contra uma equipe colombiana – o adversário ainda não foi definido. Em 2011, antes de virar unanimidade no clube, Tite e o Corinthians foram eliminados pelo até então desconhecido Tolima, gerando a revolta da torcida.

O técnico balançou no cargo, mas foi mantido no cargo por Andrés Sanchez, e abriu caminho para uma sequência impressionante de títulos: Paulistão, Brasileiro, Libertadores (invicto), Mundial de Clubes e Recopa Sul-Americana.

Esta será a terceira passagem de Tite pelo Corinthians – as outras foram entre 2004 e 2005 e 2010 a 2013 -, o que o coloca como o segundo técnico que mais vezes dirigiu o Timão na história. São 272 partidas (131 vitórias, 86 empates e 55 derrotas), perdendo apenas para Oswaldo Brandão, com 435.

A contratação de Tite é mais um capítulo da divisão que o grupo da situação passa no Corinthians. O racha começou justamente na queda do treinador, em novembro de 2013, quando o atual presidente Mário Gobbi entendeu que Mano Menezes era o nome mais indicado para reformular o elenco. Roberto de Andrade, hoje candidato a presidente nas eleições de fevereiro de 2015, era contra e se desligou da diretoria dois meses depois.

Desde que deixou o Corinthians, Tite sonhava em trabalhar no exterior ou assumir a seleção brasileira. Preferência nacional, acabou sendo surpreendido com a escolha da CBF por Dunga. Chegou a negociar com a seleção japonesa, mas o acerto não aconteceu. Recentemente, surgiu como candidato ao lugar de Abel Braga no Internacional. (G1)

Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe um Comentário

Notícias da Semana

Copyright © 2021 Ubaitaba.com. Uma empresa do grupo Comunika